Chapada: Piatã é um ótimo roteiro para se visitar entre os meses de junho e julho; veja vídeo

Postado em jul 9 2018 - 2:22pm por Jornal da Chapada

A cidade chapadeira tem diferentes atrativos turísticos e gastronômicos | FOTO: Montagem do JC |

Piatã é a mais alta cidade serrana de todo o Nordeste, são 1.267 metros de altitude, e a mais antiga povoação da Chapada Diamantina. O município fica num platô entre as serras da Tromba, um prolongamento da Serra da Mantiqueira, onde estão as nascentes do Rio de Contas, do Rio Machado e do Santana, com sua capela do Senhor do Bonfim.

O ‘friozinho’ dessa época do ano pode chegar a 3 ou 4ºC. A média da temperatura anual nunca ultrapassa os 20º C. Nas noites de junho, as mais frias do ano, em todas as residências, há sempre um licor artesanal e um ‘quentão’, bebida típica da região, ou um café quentinho, plantado e colhido nos quintais da cidade. Lá, por sinal, tem produção de café da melhor qualidade e com certificados da Associação Brasileira da Indústria de Café (Abic).

As cachoeiras do Patrício, do Cochó, do Rio de Contas, da Malhada da Areia, o Encontro das Águas, os Gerais do Rio de Contas, a Bica do Machado, as serras do Santana, do Navio, da Tromba e os Três Morros, estão entre os principais atrativos naturais de Piatã. O nome Piatã vem do tupi e significa ‘pé firme’, ‘a fortaleza’. Jornal da Chapada com informações de Agenda Chapada.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.