Coordenação de Operações Especiais se capacita em doutrinas da Marinha dos E.U.A. no DF

Postado em dez 3 2018 - 5:37pm por Jornal da Chapada

Investigadores baianos repassaram técnicas de combate em ambientes confinados e resgate de reféns | FOTO: Divulgação/SSP |

A Coordenação de Operações Especiais (COE) da Polícia Civil aumentou o seu currículo de trabalho diferenciado se capacitando com doutrinas dos Seals (Elite da Marinha dos E.U.A.). A atividade fez parte do Curso de Entradas Táticas promovido pela Polícia Civil do Distrito Federal. Mais de 10 mil tiros foram disparados no treinamento.

Os investigadores baianos repassaram técnicas de combate em ambientes confinados e resgate de reféns, ministradas pela Divisão de Operações Especiais (DOE) do DF. As doutrinas dos Seals são usadas em missões de alto risco como a da localização do terrorista Osama Bin Laden, realizada em 2011.

“Somos demandados para cumprimentos de mandados em áreas urbanas e rurais. Na maioria dos casos são zonas com inocentes que sempre são preservados. Cursos como este aprimoram a nossa eficiência”, enfatizou o coordenador da COE, delegado André Viana. Lembrou que em 2018 a unidade especializada atuou em missões em Salvador, RMS, interior e outros estados, sem qualquer problema. As informações são da SSP.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.