Pular para a barra de ferramentas
CidadesCuriosidadesEditorialMenu Principal
Trending

#Vídeo: Incentivados pelo presidente Bolsonaro, grupos rompem isolamento e fazem manifestações pelo país

Seguindo o discurso do presidente, manifestantes de verde e amarelo se aglomeram pedindo a reabertura do comércio, indo contra todas as recomendações da OMS para a contenção do coronavírus.

Mesmo diante do crescimento vertiginoso dos casos de coronavírus e mortes em decorrência da doença no Brasil, apoiadores do presidente Jair Bolsonaro seguem desrespeitando as recomendações de isolamento social e se aglomerando, o que para especialistas é como gasolina em um incêndio.

Neste domingo (5), além do “jejum contra o coronavírus”, manifestantes realizaram atos pedindo o fim do isolamento social e a reabertura do comércio, encampando o discurso que vem sendo promovido por Bolsonaro, que minimiza a pandemia e vai contra as orientações da Organização Mundial de Saúde (OMS).

Em Brasília (DF), um grupo de cristãos deu as mãos e orou em frente ao Palácio da Alvorada. Outro grupo se reuniu em frente o Palácio do Buriti, sede do governo do DF, para pedir o fim do isolamento social e gritar palavras de ordem e apoio a Bolsonaro.

Situação parecida foi registrada em frente ao Palácio Iguaçu, em Curitiba (PR), onde manifestantes se reuniram para orações. Muitos usavam máscaras de proteção, mas mantinham-se aglomerados e, muitas vezes, abraçados.

Bolsonaristas rompem quarentena para protestar | FOTO: Divulgação/Eduardo Matysiak |

‌Em São Paulo também teve quebra de isolamento. O ato em frente a Assembleia Legislativa do Estado (Alesp) pedia o impeachment do governador João Doria (PSDB), que tem entrado em rota de colisão com Bolsonaro, e também o fim do isolamento.

‌No último domingo (29), Bolsonaro deu um passeio pelas ruas do Distrito Federal para a “volta à normalidade” e cumprimentar comerciantes. As informações são do site da Revista Fórum.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios