CidadesCuriosidadesMenu PrincipalPolíticaTop
Trending

#Chapada: Prefeito eleito em Tapiramutá supera orfandade e labuta como cortador de cana e gari para virar gestor

O político Roberto Venâncio tem história de vida marcada por superação e foi eleito com mais de 4,5 mil votos no município chapadeiro.

No município de Tapiramutá, na região da Chapada Diamantina, uma história com exemplo de determinação e coragem transformou o antigo cortador de cana em prefeito do município nas últimas eleições. Roberto Venâncio (PCdoB) foi eleito com 4.533 votos. Ele formou a chapa majoritária ao lado da vice Manuela de Almeida (PSD), na coligação que ainda tinha o PSB.

​O prefeito eleito tem uma história de vida de superação desde a infância, quando foi acolhido por uma senhora chamada Dona Nair Venâncio, que sofria de diabetes. Ela chegou a criar Roberto por dois anos, mas seu estado de saúde agravou e ela acabou por falecer hospitalizada em Salvador.

Com a perda da ‘mãe’, Roberto passou a ser criado pela irmã de Dona Nair até os 18 anos. Foi quando perdeu a ‘segunda mãe’. Um período difícil para Roberto, que no momento já não tinha suporte ou qualquer estrutura, nem mesmo alimentos para se manter, conforme relata para o site Bahia ON. Um período de abandono, no qual todos os caminhos se abriram diante dele.

O político venceu o pleito com mais de 4,5 mil votos | FOTO: Divulgação |

O futuro gestor do município chapadeiro saiu da zona rural, Volta Grande, em Tapiramutá, determinado a conseguir se manter. Atuou como gari na sua cidade em 2003, e como cortador de cana, em Goiás. Foi presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais, depois de contribuir para construção de pontes e de conquistar apoiadores na luta pelos direitos dos agricultores.

Em 2012, Roberto foi eleito vereador com 267 votos, e trabalhou pelas comunidades rurais. Já em 2016, foi candidato a prefeito mas não se elegeu. Filiado ao PCdoB, se candidatou nas últimas eleições e, no dia 15 de novembro, chegou ao cargo de prefeito, por 4.533 votos válidos, 54,52% da urnas ao seu favor.

O gestor eleito do município de Tapiramutá tem 41 anos. Roberto está no final do curso de Direito e é bacharel em História. Casado com Cristina Santos, ele é pai de Henry Vanâncio e Phyetro Venâncio. Jornal da Chapada com informações do site Bahia ON.

Etiquetas

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios