CidadesCuriosidadesMenu PrincipalMundoTop
Trending

#Mundo: Destroços de foguete chinês descontrolado caem no Oceano Índico, a oeste do arquipélago das Maldivas

A maior parte dos componentes da nave foi desintegrada na reentrada na atmosfera terrestre.

Os destroços do foguete da China caíram no Oceano Índico, a oeste do arquipélago das Maldivas, informou a mídia estatal chinesa no início da madrugada deste domingo (9). A maior parte dos componentes da nave foi desintegrada na reentrada na atmosfera terrestre.

Partes do Long March 5B, de 18 toneladas, reentraram na atmosfera às 10h24, horário de Pequim, final da noite de sábado (8) no Brasil, e caíram nas coordenadas de 72,47° de longitude leste e 2,65° de latitude norte, informou o Escritório Chinês de Engenharia Espacial em um comunicado.

As coordenadas colocam o ponto de impacto no oceano, a oeste do arquipélago das Maldivas. O Space-Track, baseado em dados militares dos Estados Unidos, também confirmou a entrada na atmosfera da nave descontrolada e o local da queda.

As autoridades chinesas alegaram que o giro fora de controle do segmento do Long March 5B representou pouco perigo.

Estação Espacial
O país asiático colocou em órbita o primeiro módulo de sua estação espacial em 29 de abril, graças ao foguete Long March 5B – o mais poderoso e imponente lançador chinês. Foi a primeira parte deste foguete que retornou à Terra.

Mais 10 missões semelhantes estão programadas até o fim da construção da estação, em 2022. A redação é do Portal G1.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios