CidadesCulturaCuriosidadesMenu PrincipalSÃO JOÃOTop
Trending

#Bahia: Rui diz que “fazer festa e aglomeração nesse momento é desrespeitar a vida humana”; não vai ter São João em 2021

O governador anuncia ainda suspensão do transporte intermunicipal no São João para conter a disseminação do coronavírus na Bahia.

“Fazer festa e aglomeração nesse momento é desrespeitar a vida humana”. A fala é do governador da Bahia, Rui Costa (PT), que proibiu festa de São João em qualquer dos 417 municípios do estado. A declaração foi dada na manhã desta segunda-feira (17) durante estabilização de uma encosta localizada na Rua Maria Isabel, no bairro de Boa Vista do Lobato, em Salvador. 

“Não será permitida nenhuma festa de São João na Bahia. Esse é o momento do exercício da nossa fé e religião. Não entendo uma pessoa, nesse momento, seja ela católica, evangélica, espírita, não prestar solidariedade à vida humana. Fazer festa é desrespeitar a vida e àquelas pessoas que estão perdendo parentes. Não podemos achar que, porque abaixamos as taxas de ocupação em UTIs, podemos abaixar a guarda”, decreta Rui. 

É o segundo ano consecutivo em que a Bahia não terá o festejo. Em 2020, ainda durante os primeiros meses de pandemia, as cidades baianas foram proibidas de promover qualquer ato relacionado ao São João e São Pedro. 

Ainda durante o evento desta segunda, o gestor demonstrou preocupação com algumas regiões que têm alta procura de leitos. “Ontem [domingo, 16 de maio] Salvador estava com 79% de ocupação, pois outras pessoas estão vindo. O Oeste está com 100% de ocupação. Toda aquela região foi reforçada com a contratação de leitos públicos”, destaca Rui. 

Suspensão do transporte
O governador Rui Costa anuncia ainda suspensão do transporte intermunicipal no São João para conter a disseminação do coronavírus na Bahia. A medida foi anunciada nesta segunda-feira (17) pelo chefe do Executivo estadual. Ele também criticou as aglomerações registradas no final de semana em Salvador.

Carnaval
A declaração do petista acontece poucos dias depois de ele cogitar a possibilidade do Carnaval no ano que vem. O meio para tornar a previsão do governador realidade é a vacinação.

“Acho absolutamente viável. Temos todas condições de vacinar toda a população brasileira até o final do ano. É ‘barbeiragem’ e incompetência, se até o final do ano não tivermos feito. Mas não só o Carnaval, mas o verão. A volta do turismo a partir de janeiro”, detalhou o chefe do Executivo Estadual na última terça-feira (11/8), durante seu programa nas redes sociais, o “Papo Correria”. As informações são do site Aratu On.

Etiquetas

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios