CidadesCuriosidadesEconomiaMenu PrincipalTop
Trending

#Chapada: Lençóis se torna referência para implementação de turismo em Boa Vista do Tupim

Projeto de turismo religioso está sendo desenvolvido em Boa Vista do Tupim, local que já se destaca também por outros potenciais.

A Chapada Diamantina que já se destaca pelo seu turismo de aventura e seu ecoturismo está prestes a se tornar um dos destinos mais procurados no Brasil, inclusive, pela sua fé. Desta vez, o município de Lençóis, na Chapada Diamantina, se tornou referência para implementação de turismo na cidade chapadeira de Boa Vista do Tupim, que se ressalta também por outros potenciais na sua região.

A prefeitura municipal de Boa Vista do Tupim está desenvolvendo, em conjunto com os moradores do assentamento ‘Cana Brava’, um projeto de turismo religioso – o ‘Caminho de Santa Dulce’. Experiências como referência para a implantação do turismo na localidade foram trocadas com Lençóis, representante da pasta de Turismo da Chapada Diamantina pelo Consórcio Chapada, no último domingo (18).

O santuário, dedicado à santa, reúne pontos com grande potencial atrativo natural, unindo devoção e lazer, e ao mesmo tempo, promovendo a geração de renda local, no qual tende a estimular o desenvolvimento de diversos setores da cidade, que atualmente tem a pecuária como principal atividade econômica da cidade.

Com isso, a secretária de Turismo e Cultura de Lençóis, Laura Garcia, conheceu e auxiliou o desenvolvimento do projeto, ao comentar pontos importantes para a implementação do turismo sustentável e ressaltar a importância da secretaria no município, do Conselho e da participação ativa da comunidade.

Segundo a diretora da Fecomércio Bahia e membro do Conselho do Senac, Rosemma Maluf, que está desenvolvendo o projeto, além dos atrativos naturais e religiosos, a região possui outros potenciais que podem agregar ainda mais valor ao projeto, como a prática de esportes aquáticos e terrestres, a gastronomia, a produção de vinhos e queijos artesanais que já existem na região.

Além dos balneários ao longo do rio Paraguaçu, Boa Vista do Tupim possui em seu território a Barragem Bandeira de Melo, que armazena um volume de cerca de 111 milhões de metros cúbicos de água, possibilitando a irrigação de 19 mil hectares de terras férteis. A barragem tem uma extensão de 863 metros por 19,1m de altura.

Segundo o prefeito Helder Lopes (PSDB), o popular ‘Dinho’, o projeto inclui a estruturação e ordenamento do centro comercial da comunidade, a implantação de uma ponte sobre o rio Paraguassú e pontos estratégicos ao longo do percurso dos peregrinos.

Localizado às margens do Rio Paraguaçu, o assentamento de ‘Cana Brava’ tem0 balneários privilegiados em acesso e preservação, com grande potencial turístico. Esses balneários fazem parte do circuito do projeto que contempla a via sacra, transformando o local em um espaço para integração social, lazer, geração de renda e santuário de devoção.

Jornal da Chapada

Etiquetas

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios