Governo manda baixar valor da emenda impositiva

JC
Postado em jan 27 2014 - 9:00pm por Jornal da Chapada
alba

Em contato com a reportagem do site Bocão News, Carlos Gaban, líder do DEM na Casa, foi taxativo: não tem acordo | FOTO: Reprodução |

As discussões em torno da aprovação da PEC da Emenda Impositiva, de autoria do deputado estadual Euclides Fernandes (PDT), duraram meses. Na noite da última terça-feira (21), enfim, a proposta foi alterada e aprovada em plenário. Nesta segunda-feira (27), o time do governador Jaques Wagner (PT) iniciou o périplo para modificar o texto apreciado pelos parlamentares. A primeira alteração veio antes de levar a proposta à votação.

Originalmente, Euclides propunha que 1% da receita líquida do Estado fosse distribuída entre os deputados. Os técnicos do Poder Executivo entraram em campo e reduziram o percentual para 0.6%. Alinhado o discurso com a oposição, ficou acertado o valor de R$ 1,2 milhão na peça orçamentária deste ano. Vale lembrar que o texto aprovado no Congresso Nacional estabelece o percentual de 1.2% para os deputados federais.

Durante a semana, ao que parece, as pessoas ligadas ao Poder Executivo fizeram as contas e chegaram a conclusão de que era preciso reduzir o percentual ainda mais: 0.3%. Em contato com a reportagem do site Bocão News, Carlos Gaban, líder do DEM na Casa, foi taxativo: não tem acordo. De acordo com ele, é preciso aprovar a nova proposta em plenário e 38 deputados precisam aprovar. “Não se pode modificar o texto do projeto aprovado”. Extraído do Bocão News.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.