Vitória diz que foi pego de surpreso por Ney Franco e avisa que vai cobrar multa: “ele vai pagar”

Postado em maio 13 2014 - 4:20pm por Jornal da Chapada
ney

Ney Franco procurou a diretoria do Vitória e pediu demissão | FOTO: Reprodução |

Era só um clube demitir o treinador para o nome de Ney Franco surgir com força para assumir o cargo vago. Foi assim com Santos, Fluminense e Palmeiras. Em todas, o treinador garantiu que queria cumprir o contrato até dezembro com o Vitória. Na segunda (12), porém, o comandante mudou de ideia. Ney Franco procurou a diretoria do Vitória e pediu demissão. O seu nome já é dado como certo no Flamengo, apesar de o clube carioca não ter confirmado oficialmente.

Ele deixa a Toca do Leão após comandar o time em 47 partidas. Assumiu o cargo em setembro do ano passado e estreou justamente contra o Flamengo, no Maracanã. Foram 22 triunfos, 16 empates e nove derrotas. Ficou marcado pelo quinto lugar no Brasileirão de 2013. Este ano, a maré virou. Eliminado na primeira fase da Copa do Brasil e nas quartas da Copa do Nordeste, ainda perdeu o título do Campeonato Baiano para o Bahia. E por falar no rival, Ney deixa o Leão sem conseguir vencer um clássico. Foram seis encontros com três empates e três derrotas.

Apesar de um início de 2014 ruim, a diretoria confiava no trabalho do treinador. A solicitação de desligamento foi encarada com surpresa. “Logo cedo, ele pediu uma reunião. Aí, ele pediu demissão, para nossa surpresa. Mas tinha uma multa contratual para os dois lados. Ele vai pagar”, confirmou Epifânio Carneiro, vice-presidente do clube. A multa para rescisão do contrato custaria algo em torno de R$ 400 mil.

Agora, o Leão vai à procura de um novo comandante. Sem pressa, de acordo com Epifânio. “Tem que ver quem está disponível, as opções não são muitas. Queremos um perfil parecido com o de Ney Franco. Vencedor e que gosta de trabalhar com a base, filosofia que a gente não pode abrir mão”. Enquanto ninguém chega, Carlos Amadeu, técnico do time sub-20, assume interinamente diante do Palmeiras, domingo, em Pituaçu. “Ele (Amadeu) vai dirigir o time, mas o Vitória está à procura de um treinador”, garantiu Felipe Ximenes, executivo de futebol, ao site oficial do clube. “Quero a compreensão da imprensa neste primeiro momento. Preciso de tranquilidade para me concentrar no trabalho e na sexta falarei com todos. Estou pronto e vai ser uma experiência muito boa”, disse também ao site.

Chance
E Amadeu pode ir além da partida de domingo. “De início, ele vai assumir para esse jogo. Mas futebol é dinâmico. Só o dia a dia vai dizer. Tem que ver o mercado, outros treinadores. Vamos aguardar”, fala Epifânio. No início do ano, Amadeu recebeu uma proposta da base do Flamengo. Na ocasião, o Vitória não quis perder o profissional e sinalizou que ele teria uma oportunidade quando Ney Franco saísse. Aconteceu. Agora é agarrar a chance. Texto extraído na íntegra do site Correio 24h.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.