Pede pra sair: Almiro Sena desiste de audiência com Wagner e deixa a Secretaria da Justiça

Postado em jun 3 2014 - 1:21pm por Jornal da Chapada
almiro

O agora ex-secretário é acusado de assédio sexual e moral contra servidoras da Secretária de Justiça da Bahia | FOTO: Reprodução |

O secretário da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos (SJCDH), Almiro Sena, vai deixar a pasta ainda nesta quarta-feira (3) após denúncias de assédio sexual e moral. Em entrevista a um canal de TV aberta, o promotor licenciado voltou a negar as acusações de abusos contra servidoras da SJCDH. O Ministério Público da Bahia recebeu as acusações contra o ainda secretário e remeteu à Corregeria da Casa. Almiro contratou o advogado criminalista Gamil Föppel, tido como o mais caro do estado na área, para fazer sua defesa.

As dezenas de denúncias de assédio sexual e moral protocoladas no Ministério Público e na Defensoria Pública contra o secretário não o fizeram pedir para deixar a pasta, ele o fará após conversa com o governador Jaques Wagner. “Se ele não sair, vou pedir para que ele saia”, afirmou Wagner em conversa com o site Bocão News, durante inauguração do Viaduto de Narandiba. Mas Almiro disse que deixará o cargo nesta quarta (3), como fontes do Bocão já haviam confirmado, na semana passada. Segundo Wagner, o chefe do ministério Público, Marcio Fahel, disse que a corregedoria abriu inquérito ontem e novas denúncias continuam chegando à instituição.

As acusações contra Almiro, que está no comando da Secretaria de Direitos Humanos desde 2011, foram feitas por servidoras da pasta, que relataram, inclusive, que o secretário chegou a assediar uma jornalista. Neste fim de semana, a mulher de Almiro Sena, Cristiane Soares, usou o Facebook para defender o marido do que chama de uma trama que supostamente teria sido arquitetada pelo deputado estadual Sidelvan Nóbrega (PRB). O deputado nega as acusações. Com informações do Bocão News.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

1 Comentário Sinta-se livre para participar desta conversa.

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.