Funceb lança 2ª Chamada do Calendário das Artes 2014

Postado em jul 14 2014 - 12:00pm por Jornal da Chapada
teatro

O edital é aberto a Pessoas Físicas que residam na Bahia e tenham idade igual ou superior a 18 anos | FOTO: Reprodução |

Até 27 de agosto, estarão abertas as inscrições da 2ª Chamada do Calendário das Artes 2014, mecanismo de incentivo a projetos artísticos e culturais de pequeno porte na Bahia, que objetiva estimular o desenvolvimento das artes no estado. Promovido pela Fundação Cultural do Estado da Bahia (Funceb), entidade vinculada à Secretaria de Cultura do Governo do Estado (SecultBA), o edital concede prêmios de até R$ 13 mil e abrange as áreas de Artes Visuais, Audiovisual, Circo, Dança, Literatura, Música, Teatro e Artes Integradas, com um aporte total de R$ 637 mil para apoiar no mínimo 49 projetos. Nesta 2ª Chamada do ano, o Calendário das Artes se volta a propostas que sejam iniciadas de 1º de dezembro de 2014 a 28 de fevereiro de 2015. As instruções para participação e os documentos do edital estão disponíveis no site da Funceb: www.fundacaocultural.ba.gov.br/calendariodasartes.

Quem pode se inscrever
O edital é aberto a Pessoas Físicas que residam na Bahia e tenham idade igual ou superior a 18 anos, brasileiros natos ou naturalizados, ou estrangeiros com permanência legalizada, e a Pessoas Jurídicas de Direito Privado, estabelecidas na Bahia e com atuação artístico-cultural definida em seu estatuto e/ou contrato social. Para se inscrever, o proponente deve preencher o Formulário de Inscrição, apresentando sua proposta, e enviá-lo via Correios, apenas por correspondência registrada ou serviço Sedex e com Aviso de Recebimento, para a sede da Fundação Cultural, em Salvador, conforme orientações descritas no edital.

Edital
Com avaliação dos projetos feita de forma territorializada e com os inscritos de cada Macroterritório da Bahia concorrendo apenas entre si, o edital busca abarcar propostas de todas as regiões do estado em quantidade igualitária. As comissões de seleção são específicas para cada Macroterritório e formadas, além de membros do Estado, por representantes locais e de diferentes origens dentro da Bahia, escolhidos através de consulta pública e a entidades artísticas e culturais das diferentes regiões. Também entre suas premissas pela democratização do acesso aos recursos disponibilizados, o concurso divide o Macroterritório 2 em duas categorias: 1) propostas oriundas de Salvador; e 2) propostas oriundas dos demais municípios do Macroterritório 2. Assim, atende à maior demanda oriunda da capital e garante maior competitividade das propostas dos outros municípios desta região. A previsão é de que sejam pelo menos sete projetos premiados de cada um dos seis Macroterritórios da Bahia e mais sete de Salvador.

O projeto
O Calendário das Artes se fundamenta na acessibilidade e ampliação do investimento na produção artística de toda a Bahia, considerando sua grande diversidade e dimensões territoriais. São priorizadas propostas oriundas e/ou realizadas em benefício de populações com menor acesso a produtos culturais e que privilegiem a diversidade cultural, envolvendo as mais variadas ideias de artistas, grupos e produtores, amadores ou profissionais. Lançado em 2012, o Calendário das Artes, somando as suas cinco Chamadas já realizadas, disponibilizou um total de R$ 3,016 milhões para a execução de 233 projetos, selecionados dentre um total de 4230 inscritos, e oriundos de 99 municípios, contemplando todos os 27 Territórios de Identidade do estado.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.