Mundo: Americana ajuda filho a atear fogo no corpo em vídeo para web e vai presa

Postado em ago 13 2014 - 9:13am por Jornal da Chapada
america

Jovem sofreu queimaduras leves no peito e no pescoço | FOTO: Reprodução |

Uma mulher de 41 anos foi acusada de ajudar seu filho adolescente a atear fogo no corpo como parte da gravação de um vídeo que o jovem iria publicar nas redes sociais. Janie Lachelle Talley foi presa no dia 6 de agosto por ajudar seu filho de 16 anos a produzir o vídeo “desafio de fogo”, que, posteriormente, o adolescente postou no Facebook.
O Departamento de Polícia de Charlotte-Mecklenburg disse na segunda-feira que o jovem sofreu queimaduras leves no peito e no pescoço. A mãe foi presa porque estava presente e ciente do que seu filho está fazendo. A brincadeira perigosa vem se espalhando: jovens têm publicado vídeos na internet em que ateiam fogo ao próprio corpo com líquidos inflamáveis, no que chamam de “fire challenge” (desafio do fogo, em inglês). A imprensa americana relata casos de ferimentos durante a “brincadeira”.

Nos vídeos, que estão disponíveis nas redes sociais, os jovens incendeiam o líquido inflamável, que pode ser álcool ou removedor de unhas, por exemplo, e em seguida apagam o fogo com um chuveiro ou pulando numa piscina próxima.
“Não importa se você está num chuveiro, se está perto da piscina, apenas não faça isso. É muito perigoso”, disse Tammy McKinney, do departamento de Bombeiros de Oklahoma, a uma emissora da rede CBS. O canal mostrou o caso de um menino de 11 anos que aceitou o “desafio” de amigos e se deixou molhar com desodorante, que em seguida foi incendiado. O garoto foi parar no hospital com queimaduras de segundo e terceiro graus. Do Portal G1.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.