Opinião: Eleição 2014 decide futuro político do município de Itaberaba

original

Ricardo Mascarenhas, Leonardo Moscoso e Ricardo Pimentel são o futuro da oposição | FOTO: Montagem do JC |

Por Deninha Fernandes*

Sinto que chegamos ao fim de um ciclo político. Ao observarmos a história da civilização, constatamos a frequente repetição do discurso de que as novas gerações serão responsáveis pelas transformações que resultarão na melhoria das condições de vida. Nesse contexto, os jovens querem ter voz ativa nos grandes debates que impactam o futuro das gerações e isso somente se dará com participação nos fóruns de discussão e assumindo o poder político em suas comunidades.

Os jovens brasileiros buscam uma mudança radical no modo de se fazer política. Eles estão inconformados com ausência de princípios éticos da maior parte dos representantes e, também, carentes de verdadeiras lideranças. Esses jovens, por meio de ações concretas, como auxiliar os menos favorecidos, exigir dos representantes eleitos o trabalho sério e ético, creem que o Brasil e Itaberaba só vão crescer.

Nessa eleição, por exemplo, devem surgir novas lideranças em Itaberaba, entre os quais os jovens Ricardo Mascarenhas, Leonardo Moscoso e Ricardo Pimentel. Ouso dizer que desse trio deve sair um candidato a prefeito do município nas eleições de 2016.

Contribuindo com o aparecimento dos novos líderes, farei uma análise do perfil de cada um neste pleito, que deve funcionar como uma vitrine na formação dessas jovens lideranças, inclusive para observarmos qual deles está mais apto e mais envolvido com as questões sociais e ambientais e até que ponto vai a vontade deles de contribuir com a coletividade.

Doutor Leonardo Moscoso, na minha opinião, é um jovem com uma carreira brilhante na advocacia, que já provou para nossa comunidade que não é mercenário – aquele que faz tudo por dinheiro. Ponto para ele, afinal, são poucos advogados que, como ele, têm consciência de que o pobre não pode ficar sem assistência jurídica. Além disso, observo que ele vem se sobressaindo no meio social e político devido à sua participação no programa “Conexão Verdade”, apresentado por Alex Oliveira, de segunda à sexta-feira, às 8h, pela Rádio Rosário FM.

Nas inserções no Rádio, o jovem Moscoso tira todas as dúvidas do ouvinte na área jurídica. Na minha modesta opinião, Leonardo tem um belo e promissor futuro político e um ótimo cabo eleitoral dentro de casa, seu pai, o também advogado, doutor Delsuc Moscoso. Porém, para ser candidato a prefeito de Itaberaba, o jovem Léo Moscoso vai ter primeiro que convencer seu pai de que ele pode lhe substituir, tanto na assistência jurídica à população carente, quanto na política. Sim, porque todos nós sabemos que o candidato a prefeito nessa família ainda é o patriarca.

Outra liderança que está surgindo é o jovem, e já experiente como legislador, Ricardo Pimentel de Sá. Em seu quarto mandato consecutivo como vereador, Ricardo continua mostrando que sabe desempenhar o papel de parlamentar, fiscalizando e denunciando as mazelas dos prefeitos da cidade. Quem quiser prova da atuação dele como membro do Poder Legislativo Municipal, basta uma rápida pesquisa nos Ministérios Públicos estadual e federal, no Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), ou no arquivo do Jornal da Chapada. São inúmeras as denúncias protocoladas pelo vereador, inclusive contra o atual prefeito, João Almeida Mascarenhas Filho.

Ricardo também já provou que sabe ser gestor, afinal, administrou a Câmara de Vereadores com responsabilidade, tendo as contas do seu exercício financeiro sido aprovadas pelo TCM, mesmo contra alguns “poderosos” que tentaram de tudo para reprová-las. Segundo informações de amigos, Pimentel sabe honrar os amigos e essa, no meu ponto de vista, é uma qualidade essencial em um bom político. O exemplo da fidelidade do vereador para com os amigos fez com que ele contasse hoje com um grande cabo eleitoral, que é o prefeito da capital, ACM Neto.

Por fim, temos a mais grata surpresa entre as lideranças jovens que surgem em Itaberaba. Trata-se do jovem Ricardo Mascarenhas, filho do ex-prefeito Jadiel Almeida Mascarenhas. Na minha opinião, Ricardo sai na frente entre os demais, por ter seu pai como cabo eleitoral. Não gostei muito da administração de Jadiel Mascarenhas, mas não sou maluca de menosprezar sua força política. Aliás, já disse isso aqui quando afirmei que foi Jadiel que fabricou o irmão, o atual prefeito de Itaberaba, João Filho, que depois lhe traiu. Ao meu sentir, Jadiel é o único político de Itaberaba que pode dizer em alto e bom som que tem voto pessoal. Mas, deixa ele pra lá! Jadiel é o passado e Ricardo é o futuro.

O jovem odontólogo e empresário já provou que é um bom administrador, estando hoje no comando da clínica “Mede Center”, administrada por ele e o sócio. A cada dia vemos com bons olhos o crescimento da empresa, prova inconteste de que ele sabe trabalhar. Minha opinião é de que Ricardo tem um lado positivo, gosta de ouvir a opinião de todos para formar a sua.

Quando disse que as eleições de 2014 decidem o futuro político de Itaberaba, é por que o candidato a prefeito da oposição está entre esses três jovens que foram analisados. A competição será vencida por aquele que tiver a maior votação para sua dobradinha de deputados. Para quem não sabe, Leonardo Moscoso é do PSDB e apoia Fábio Souto para deputado estadual e João Gualberto para federal. Já Ricardo Pimentel é do Pros e apoia Pablo Barroso para deputado estadual e também João Gualberto para federal.

Observe que a disputa entre Moscoso e Pimentel será avaliada na votação do estadual, já que ambos se uniram na busca do voto para federal. O jovem Ricardo Mascarenhas apoia Marcelo Nilo para deputado estadual e Valmir Assunção para federal. No federal sinto que Ricardo sai com uma larga vantagem, pois o seu candidato (Valmir) já tem reduto em Itaberaba. Por exemplo, o parlamentar conta com os votos dos militantes dos movimentos sociais e dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST).

Agora sim, para encerrar, tenho visto comentários sobre o lançamento do empresário Ivan do Mercadinho como provável candidato a prefeito de Itaberaba. É prematuro falar sobre o candidato, afinal, ele ainda não se manifestou. Aproveitando a oportunidade, agradeço às antigas lideranças de Itaberaba por tudo que fizeram por esta cidade, mas faço questão de dizer que o tempo de vocês já era, agora a voz e a vez é dos jovens. Deixem eles brilhar. E que vença o melhor para Itaberaba!

Sempre de olho!

*Deninha Fernandes é editora chefe do Jornal da Chapada

Confira aqui a edição completa do periódico impresso…

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.