Chapada: Paulo Souto vai concluir e botar para funcionar Hospital de Seabra

Postado em set 27 2014 - 6:44pm por Jornal da Chapada
souto

Paulo Souto durante agenda na Chapada Diamantina | FOTO: Valter Pontes/Coperphoto |

“Vamos concluir e botar para funcionar o Hospital de Seabra, uma promessa do governo do PT que o povo da Chapada espera ser cumprida há mais de cinco anos”, afirmou o candidato a governador, Paulo Souto, da coligação “Unidos pela Bahia”, na manhã deste sábado (27), quando iniciou a jornada pela Chapada Diamantina, visitando Itaberaba e Seabra. Pela tarde, ao lado do vice Joaci Góes e do postulante ao Senado, Geddel Vieira Lima, a maratona de Souto se estende a Mucugê, Ibicoara, Barra da Estiva e Ituaçu, encerrando a maratona com comício em Tanhaçu, à noite.

Durante a movimentação pelo interior neste sábado, a chapa majoritária da oposição recebeu o apoio do prefeito de Piatã, Ed (PTB), que fez questão de anunciar pessoalmente a sua adesão às candidaturas de Paulo Souto e Geddel. Mesmo sendo de um partido da base governista, o PTB, Ed preferiu acompanhar o sentimento do povo da Chapada que quer mudança com Paulo Souto, governador, e Geddel, senador. “Ed é mais um exemplo de homem público que segue a voz do povo nesta campanha”, comentou Souto, na companhia também do candidato a deputado estadual Fábio Souto.

Diante das queixas contra o caos da saúde no governo do PT, Paulo Souto disse que a situação é calamitosa e medidas emergenciais precisam ser tomadas para que a população não continue morrendo sem atendimento. Como novos hospitais demoram a ficar prontos e as soluções são urgentes, Paulo se comprometeu a botar para funcionar o que está parado, como a Unidade de Pronto de Atendimento, de Itaberaba.

“O PT é o partido das promessas e, quando faz alguma coisa, não consegue botar para funcionar, como são os casos de várias UPAs pela Bahia”, afirmou Paulo Souto. O candidato a governador tem como meta requalificar e reestruturar a rede estadual de hospitais. “Também vamos apoiar as unidades municipais de saúde, bem como fazer a central de regulação facilitar o atendimento às pessoas, além de comprar vagas na rede hospitalar filantrópica e privada. Isso em curto prazo. Em médio prazo, vamos construir mais cinco novos hospitais regionais e policlínicas”.

O candidato a governador da oposição assinalou que o governo petista não pensou no povo da Chapada, quando abandonou o programa de barragens e recursos hídricos para a região do semiárido, desenvolvido na gestão dele. “Até hoje nada foi feito para o aproveitamento das águas da Barragem de Bandeira de Melo no abastecimento humano e atividades produtivas”.

Para piorar a situação, em Seabra, disse Paulo Souto, o governo do PT não fez a Barragem de Baraúnas, o que vem deixando a população da cidade sem água frequentemente. “É um absurdo que o povo de Seabra viva hoje com a vasilha na mão em busca de água, por causa da incapacidade petista de realizar as obras que as pessoas precisam para viver. Enquanto o povo sofre com a falta de água, eles gastam milhões em propaganda com o tal ‘Água para Todos’ ”.

Paulo Souto lembrou que, em seu tempo de governador, fez, no Rio Paraguaçu, a Barragem do Apertado e estimulou a criação de um polo de agricultura irrigada, que hoje emprega mais de cinco mil pessoas em Mucugê e Ibicoara. Para o candidato da oposição a governador, a região da Chapada, pela sua diversidade, tem grande potencial e reage bem aos estímulos econômicos. “É uma zona de nosso estado que precisa de apoio governamental para se desenvolver. A fruticultura do abacaxi é um exemplo. Infelizmente, nestes oito anos, o governo petista só fez de verdade piorar os serviços essenciais dos quais os baianos tanto precisam. O resto é propaganda”.

Paulo Souto foi veemente quando recomendou que o governo petista pedisse desculpa por colocar a Bahia entre os locais mais violentos do mundo. “São mais de 37 mil baianos assassinados desde 2007 e eles querem nos convencer que fazem uma gestão eficiente da segurança pública, dizendo que compraram viaturas. A Bahia quer trabalho de verdade. No próximo dia cinco de outubro, a história vai mudar”.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.