CidadesCuriosidadesMenu PrincipalSaúde

Descartado risco de contaminação em clínica que tinha cápsula de césio 137

saúde
Segundo vistoria, material estava lacrado e não havia sinais de radiação | FOTO: Reprodução/TV Bahia |

Foi descartado o risco de contaminação após uma cápsula de césio 137 ter sido armazenada de forma irregular em uma clínica médica na Avenida Sete, centro de Salvador, informa nesta terça-feira (24) o Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu). O produto é radioativo e usados em equipamentos de radiografia.

Leia também:
Clínica é interditada em Salvador e polícia acha cápsula de césio 137 no local

O estabelecimento, especializado em medicina do trabalho, foi interditado há um dia pela terceira vez por falta de alvará e licença para funcionamento. O proprietário da clínica e um homem, que atendia como clínico geral, foram presos por estelionato e exercício ilegal da medicina, respectivamente.

O médico Oswaldo Alves Bastos, subcoordenador de Equipes Especiais do Samu, informou que o material estava lacrado e que não havia sinais de radiação no ambiente, não oferecendo, portanto, risco a pacientes e profissionais. A cápsula do produto foi achada em uma sala usada para a realização de exames de radiodiagnóstico. Do Portal G1.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios