CidadesCuriosidadesEditorialMenu Principal

Suíca quer participação do povo nas decisões socioeconômicas de Salvador

suica
O vereador petista cobra mais atenção para a população de Salvador | FOTO: Ascom |

O final de semana em Salvador foi de festa e de entrega de obras durante a programação do aniversário de 466 anos de história. No sábado (28) e no domingo (29), o governo do estado entregou títulos de propriedades de imóveis e inaugurou obras de encostas em comunidades periféricas da capital. De acordo com o vereador e líder da oposição, Luiz Carlos Suíca (PT), as ações formam um conjunto de intervenções do governo Rui Costa, que envolve ainda várias iniciativas de mobilidade urbana na cidade, o metrô, suas extensões, os complexos viários e viadutos, e serviços públicos. De acordo com o petista, toda a cidade deve se envolver diretamente com as discussões sobre Salvador, como o Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano, outorga onerosa, criação da Rede de Atenção Psicossocial, melhorias nas unidades de saúde e de educação infantil, que seguem sem definições, além de mais atividades descentralizadas em diferentes bairros.

“É indiscutível as intervenções dos governos estadual e federal em Salvador com obras estruturantes. Agora precisamos avançar mais e envolver a população nos debates sobre a cidade. Resta a nós representantes, moradores e lideranças de movimentos sociais pressionar o executivo municipal a compreender a história dos 466 anos de existência de Salvador para valorizar a cultura popular da periferia. Ainda precisamos avançar muito para preservar nossa identidade negra, e essa mudança só virá com a participação do povo, só ele sabe o que é preciso para viver melhor. São as pessoas que moram nos bairros pobres que precisam de atenção, que isso seja dito”, destaca Suíca, que ressalta os pedidos de investimentos para os bairros periféricos, principalmente nos setores de esporte, lazer e de preservação da história e do patrimônio cultural.

O vereador afirma que as pessoas cobram mais infraestrutura nos bairros, segurança, educação, saúde, e também ações sociais simples, que valorizam a autoestima de todos. “Rui Costa entregou, no domingo, para mais de 731 famílias do Subúrbio Ferroviário de Salvador títulos de regularização fundiária. Famílias inteiras foram beneficiadas pelos títulos e isso é a metodologia do governo, intervir para resolver”, declara Suíca. Os moradores dos bairros de Cajazeiras VI e Águas Claras também ganharam obras de contenção de encostas, garantindo segurança da residência e da vida dessas pessoas, que sofriam durante os períodos de chuva na capital. As intervenções foram realizadas em locais considerados de alto risco para ocorrência de deslizamentos de terra. Ainda serão investidos R$ 156 milhões para em áreas de risco em 53 bairros, com mais 80 encostas.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios
Pular para a barra de ferramentas