Pular para a barra de ferramentas
CidadesCulturaCuriosidadesMenu Principal

Festival de Cinema Baiano homenageará o cineasta Guido Araújo em sua quinta edição

foto
O homenageado Guido Araújo | FOTO: Divulgação/V Feciba|

O diretor baiano Guido Araújo será o grande homenageado do V FECIBA – Festival de Cinema Baiano, que será realizado entre os dias 7 e 13 de junho no Cine Santa Clara, na cidade de Ilhéus, no sul da Bahia. Uma mostra especial composta por filmes dirigidos por ele fará parte da programação do evento. Além de cineasta, cineclubista, professor e formador de toda uma geração de cineastas baianos, Guido Araújo foi o idealizador da Jornada Internacional de Cinema da Bahia, que teve 39 edições realizadas no estado e se tornou um dos acontecimentos cinematográficos mais importante do país, dando visibilidade e relevância aos filmes de curta metragem e às produções locais.

Para Edson Bastos, Produtor Executivo e Curador do V FECIBA, Guido Araújo e a Jornada de Cinema são referências importantes quando se fala da construção e consolidação de um Festival de Cinema com cunho político. “Idealizar a Jornada, que foi o mais importante evento de cinema do nosso estado e de maior projeção nacional, foi sem dúvida uma tarefa difícil e que exigiu muita resistência para continuar com o mesmo foco durante anos de existência. O FECIBA, dentro de uma perspectiva contemporânea, segue essa linha defendida por Guido, debatendo sobre a nossa realidade e abrindo espaço para o que está sendo produzido no nosso estado”, afirma Bastos.

Mostra Homenagem Guido Araújo
A Mostra Homenagem, que será exibida na abertura do V FECIBA, às 19h, será composta por sete documentários dirigidos por Guido Araújo: “Maragogipinho” (1969), “Feira da Banana (1972/73), “A morte das velas do Recôncavo” (1976), “Por exemplo: Caxundé” (1976), “Festa de São João no interior da Bahia” (1977), “Raso da Catarina: Reserva Ecológica” (1984) e “Lambada em Porto Seguro” (1990).

O objetivo da Mostra é também conhecer um pouco mais sobre a Bahia através do olhar de Guido, que construiu com seus filmes um mosaico de paisagens humanas e naturais, revelando os rostos e sons do Brasil mais popular. Ainda como parte das homenagens, será montada uma exposição com os cartazes de da Jornada Internacional de Cinema da Bahia, que ficará aberta à visitação durante todos os dias do evento, na Fundação Cultural de Ilhéus.

O V Festival de Cinema Baiano conta com o apoio financeiro da Fundação Cultural do Estado da Bahia (FUNCEB) por meio do edital Setorial de Audiovisual vinculado ao Fundo de Cultura da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA) e realização do NúProArt – Núcleo de Produções Artísticas e da Voo Audiovisual.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios