CidadesCuriosidadesMenu PrincipalPolítica

Chapada: Ex-prefeito de Palmeiras é denunciado ao MP por irregularidades em contratações

O ex-gestor de Palmeiras também foi multado em R$ 20 mil pelo TCM | FOTO: Reprodução |

O ex-prefeito do município de Palmeiras, na Chapada Diamantina, Marcos Venícios Santos Teles, foi multado em R$ 20 mil pelo Tribunal de Contas dos Municípios, na sessão desta terça-feira (26), e terá representação encaminhada ao Ministério Público Estadual, após a constatação de diversas irregularidades em cartas-convite, para a contratação de serviços, realizadas nos exercício de 2011 e 2012.

A denúncia apresentada pelo atual prefeito, Adriano de Queiroz Alves (Didico), apontou que o ex-gestor permitiu a habilitação de empresas que apresentaram certidões vencidas ou que deixaram de apresentar os documentos necessários. Também destacou que não houve desclassificação de empresa que apresentou proposta acima do valor máximo permitido no convite, além da ocorrência de fragmentação irregular de despesas na locação de software e manutenção do diário oficial; aquisição de combustível; aquisição de gêneros alimentícios para merenda escolar; serviço de abertura de poço artesiano e transporte de alunos e profissionais de diversas secretarias.

O relator, conselheiro Mário Negromonte, salientou que o ex-prefeito não se pronunciou a respeito das contratações efetuadas mediante dispensa de licitação que, somadas, ultrapassam em muito o valor máximo anual permitido para essa exceção ao dever de licitar, totalizado em R$ 583.234,85. Ainda cabe recurso da decisão. As informações são do TCM-BA.

Leia também:
Chapada: Prefeito de Palmeiras é multado mais uma vez por contratar empresa sem licitação

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios
Pular para a barra de ferramentas