Pular para a barra de ferramentas
CidadesCuriosidadesMenu Principal

Salvador: Setur monitora política de governança no Pelourinho

foto
A possibilidade de utilização do estacionamento da Arena Fonte Nova, com uma linha complementar de vans, foi proposta para facilitar o acesso ao Pelourinho | FOTO: Tereza Torres/Ascom Setur |

Com o objetivo de monitorar os resultados obtidos por grupos de trabalho em áreas como as de Segurança Pública e Social, autoridades das três esferas de governo (estadual, municipal e federal) reuniram-se nesta quarta (22), com a comunidade do Pelourinho, dando prosseguimento à política de governança implementada no conjunto colonial pela Secretaria Estadual de Turismo (Setur). Coordenador das ações, o secretário Nelson Pelegrino (Turismo) conduziu uma análise sobre as questões de segurança pública e indicou a existência de problemas em estacionamentos administrados pelo setor privado.

O chefe de Gabinete do Ipac, Ivan de Souza, relatou a batalha jurídica em andamento pela retomada da posse de dois estacionamentos que funcionam com os contratos de concessão já vencidos. Segundo ele, a expectativa é de solucionar o problema, decorrente de liminar judicial, em breve. O terceiro estacionamento é de propriedade da Ordem 3ª de São Francisco.

A possibilidade de utilização do estacionamento da Arena Fonte Nova, com uma linha complementar de vans, foi proposta para facilitar o acesso ao Pelourinho. “Vamos verificar com o consórcio da Fonte Nova se é viável”, disse Pelegrino. “O importante é que tenhamos uma estratégia eficiente de ocupação do Pelourinho, o principal cartão-postal de Salvador”.

Diálogo – A reunião teve início às 10 horas, no Serviço de Atendimento ao Turista (SAT), no Centro Histórico. Desde maio, uma vez por mês, o secretário Nelson Pelegrino transfere o seu gabinete para o Pelourinho, sempre na sede do SAT, a fim de intensificar o diálogo com a comunidade. “A mobilização dos agentes públicos é importante para a solução de assuntos transversais”, defendeu Pelegrino.

Moradores e comerciantes reivindicaram, durante o encontro, medidas de acolhimento dos menores em situação de risco, assunto amplamente discutido, com explicações de Márcia Guedes, representante do Ministério Público da Bahia. Ela falou sobre a necessidade de atuação da Prefeitura de Salvador e sugeriu que a próxima reunião conte com a presença de representante da Secretaria Municipal de Promoção Social.

A Secretaria Estadual da Cultura assegurou a manutenção de shows mensais em praças e largos do Pelourinho, assunto que a comunidade preferiu manter em pauta, visando à captação de mais eventos. No item mobilidade urbana, a comunidade solicitou mais atenção do poder municipal para o Elevador Lacerda e Plano Inclinado.

O comandante do 18º Batalhão da Polícia Militar, tenente-coronel Valter Menezes, o tenente-coronel Marcos Oliveira e o tenente-coronel Josenilton dos Santos participaram da reunião, assim como a delegada Christiane Coelho, da Delegacia de Proteção ao Turista. A Polícia Militar e a Polícia Civil estão articuladas com a Guarda Municipal para proporcionar segurança a baianos e turistas. Técnicos do Ipac e lideranças da Acopelô também estiveram presentes.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios