CidadesCuriosidadesEditorialMenu Principal

Peemedebista baiano diz que aliança com o PT deve durar até outubro

lucio
O deputado federal Lúcio Vieira Lima | FOTO: Reprodução |

Vice-líder do PMDB na Câmara, o deputado federal baiano Lúcio Vieira Lima aderiu com afinco ao movimento iniciado (pelo menos em público) por seu irmão Geddel pelo fim da aliança de seu partido com o PT em plano nacional. Em entrevista ao jornal Tribuna da Bahia, Lúcio rebate afirmação do deputado do PT Nelson Pelegrino, que disse ao mesmo diário que “o PMDB está dividido como sempre esteve, mesmo nos tempos de Fernando Henrique Cardoso, do PMDB histórico, cerca de 30% do partido no apoio a FHC”.

Lúcio afirma que o PMDB tem divisão comum a todos os partidos e dá prazo para o fim da aliança com a presidente Dilma Rousseff. “A única coisa que tem uma divisão do PMDB, é de permanecer ou não no governo, mas isso em outubro será encerrado e acredito no rompimento. A maioria quer sair do governo. Agora, divisão todos os partidos têm. Mas olha o PT, tem quatro ou cinco correntes”. Com redação do site Brasil 247/Bahia.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios
Pular para a barra de ferramentas