Rui Costa determina manutenção de efetivo no combate aos incêndios na Chapada Diamantina

Postado em dez 15 2015 - 8:44pm por Jornal da Chapada
rui costa

O governador da Bahia destacou a atuação dos bombeiros militares e brigadistas voluntários no combate ao fogo | FOTO: Manu Dias/Secom-GOVBA |

“Vamos manter nossa estrutura de combate aos incêndios na Chapada Diamantina até que tenhamos a garantia técnica de que não há mais risco para o nosso patrimônio”, afirmou o governador Rui Costa durante reunião sobre as ações naquela região, na tarde desta terça-feira (15). Neste momento, atuam na Operação Bahia sem Fogo, do Governo do Estado, 170 bombeiros militares (126 da Bahia e 44 do Distrito Federal), além de seis aviões e quatro helicópteros contratados por meio da Secretaria Estadual do Meio Ambiente (Sema).

Durante o encontro, realizado na Governadoria, Rui destacou a atuação dos bombeiros militares e brigadistas voluntários: “é importante parabenizar todos que estão envolvidos nesta ação, que já dura mais de três meses. Nosso objetivo só será alcançado com o trabalho de todos”, pontuou. Desde o dia 11 de setembro, período em que as chamas começaram a se espalhar pela Chapada, o Governo do Estado já investiu R$ 14 milhões nas ações de combate e prevenção ao fogo.

fot5

Uma equipe formada por 44 bombeiros militares do Distrito Federal chegou à Chapada Diamantina | FOTO: Amanda Oliveira/Secom-GOVBA |

Leia também:
Brigadistas da Defesa Civil Nacional já estão na Chapada Diamantina; confira situação atual

Fogo na Chapada: Vale do Capão está sem ameaças de incêndios; Lençóis ainda não recebeu EPIs

Fogo na Chapada: DPE, DPU, Justiça e Promotoria Militar pedem apoio das forças armadas no combate a incêndios

Chapada: Chamas retornam em Ibicoara e brigadistas reclamam de negligência no monitoramento

Também presente na reunião, após retornar de Lençóis nesta terça, o titular da Sema, Eugênio Spengler, acrescentou que “as questões climáticas não ajudam porque não chove, venta muito e até raios comprovadamente têm provocado os incêndios. A previsão de chuva é somente para a primeira quinzena de fevereiro”. Também participaram da audiência os secretários da Casa Civil, Bruno Dauster, e da Segurança Pública (SSP), Maurício Barbosa, o comandante-geral do Corpo de Bombeiros, Francisco Telles, o superintendente da Defesa Civil do Estado, Rodrigo Hita, entre outros representantes do Estado.

De acordo com Dauster, o trabalho em parceria com o Governo Federal é fundamental para que o resultado da operação seja alcançado mais rapidamente possível. Por meio de uma articulação realizada pela Casa Civil, uma equipe formada por 44 bombeiros militares do Distrito Federal chegou à Chapada Diamantina para apoiar as ações de combate aos incêndios na região. O grupo chegou ao Aeroporto de Lençóis, nesta terça-feira, a bordo de um avião Hércules das Forças Armadas. As informações são da Secom.

Confira imagens da chegada dos brigadistas:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Leia também:

Municípios da Chapada Diamantina decretam situação de emergência por causa da estiagem; confira aqui
Governo anuncia o envio de mais dois helicópteros para combater incêndios na Chapada Diamantina
Fogo na Chapada: Brigadistas de Lençóis recebem mais ajuda voluntária e reclamam da falta de apoio do município
Fogo na Chapada: Incêndio em Jacobina se alastra e dizima fauna e flora; confira imagens

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

8 Comentários Sinta-se livre para participar desta conversa.

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.