Bahia: Professores municipais de Ipirá podem realizar paralisação

Postado em fev 24 2016 - 4:00pm por Jornal da Chapada
foto6

De acordo com informações, o município ameaça não cumprir o novo piso salarial da categoria | FOTO: Reprodução/Caboronga Notícias|

Os professores da rede municipal de ensino de Ipirá iniciaram, na última terça-feira (23), a sua jornada pedagógica para estruturar o ano letivo de 2016. Mas, em meio a esse encontro, os trabalhadores realizaram uma manifestação em frente ao Centro Cultural Enófilo Marques, na Praça José Leão dos Santos, local onde acontece a jornada, para protestar contra a prefeitura.

Segundo a Associação de Professores Licenciados do Brasil (APLB), o município ameaça não cumprir o novo piso salarial da categoria, sob alegação de que a partir de abril o orçamento destinado à educação do município já estaria esgotado, com possibilidade de a partir de maio haver atraso de salário dos servidores principalmente dessa pasta.

De acordo com informações do site Caboronga Notícias, o protesto foi pacífico e não boicotou a Jornada Pedagógica. Segundo o professor Arismário Sena Ferreira, representante da APLB, se as garantias da categoria não forem cumpridas, o ano letivo poderá ser comprometido na rede municipal de ensino. Após o ato de protesto, todos os professores participaram da abertura oficial da Jornada Pedagógica 2016.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.