CidadesCuriosidadesMenu Principal

Chapada: Filho de vereadora de Tapiramutá é morto em parque de vaquejada

foto67
O corpo de Dey foi velado na residência da família e sepultado no cemitério do Campo Santo em Tapiramutá | FOTO: Reprodução/Ruy Barbosa Notícias |

Dayolee Gomes Cardoso, de 35 anos, foi encontrado morto próximo ao Parque de Vaquejada de Tapiramutá, na Chapada Diamantina, na manhã do último domingo. Gomes é filho da vereadora do município, Elia Gomes Cardoso (PC do B). A principal suspeita é que ele tenha sido atropelado, porque foram vistos marcas de pneu de moto no local próximo ao corpo, mas a família acredita que ele tenha sido assassinado.

Segundo os familiares, o corpo dele não tinha escoriações externas, comuns de atropelamento, apenas uma marca de pancada na cabeça e a necrópsia apontou presença de marcas de lesões internas no abdômen, o que leva a família a acreditar que ele tenha sido espancado.

Populares comentaram que ele estava em uma roda de amigos no Parque de Vaquejada, onde acontecia uma festa, e teria deixado o local por volta da uma e meia da manhã, sendo encontrado morto algum tempo depois. O suposto veículo atropelador não foi localizado. Dey, como era conhecido, era goleiro amador, e atuaria no domingo pela equipe Juventus de Tapiramutá pela Copa do Beiju.

Seu irmão disse que ele jogou muitas partidas de futsal em Jacobina em competições amadoras. Ele completaria 36 anos no dia 12 de abril. O corpo de Dey foi velado na residência da família e sepultado no cemitério do Campo Santo em Tapiramutá. Jornal da Chapada com informações do Ruy Barbosa Notícias .

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios