Chapada: Secretário estadual de turismo fala de projetos para Morro do Chapéu em entrevista a rádio

Postado em set 23 2016 - 1:16pm por Jornal da Chapada
24h

O secretário acredita que o turismo tem a capacidade de ser transversal, movimentado e estimulando o desenvolvimento de diversos setores da cidade | FOTO: Reprodução/Correio 24h |

Em entrevista concedida à emissora Rádio Brilhante FM, em Morro do Chapéu, o secretário de turismo José Alves falou sobre diversos assuntos de interesse da população local. Ele afirmou ter ficado muito encantado com as potencialidades do município.

“Saí satisfeito, entusiasmado, com o desafio na cabeça para transformar Morro do Chapéu em um polo turístico fantástico. Já tenho um projeto pronto e a partir de 3 de outubro já estaremos trabalhando aqui no que diz respeito a estudo de demanda socioeconômica. Vamos também trazer capacitação para a população”, destacou Alves, durante a entrevista para a apresentadora Luziária Barreto, da Brilhante FM.

O secretário acredita que o turismo tem a capacidade de ser transversal, movimentado e estimulando o desenvolvimento de diversos setores da cidade, como saúde, comércio, segurança, geração de emprego e renda, capacitação de mão de obra, além de promover o destino.

Segurança e turismo
Durante a entrevista, o secretário de Turismo também falou sobre segurança pública e destacou o investimento de R$ 60 milhões realizado pelo governo da Bahia para a implantação do Centro de Operações e Inteligência (COI).

Alves informou que está trabalhando junto com José Carlos Araújo para encontrar uma forma de conectar as câmeras do COI com câmeras que seriam instaladas em Morro do Chapéu ou principalmente com aquelas que já existem na cidade e estão localizadas na região da Câmara Municipal e prefeitura.

“Lá (no COI) estão todas as políticas juntas, Corpo de Bombeiros, Civil, Militar Federal, helicóptero e avião à disposição. Um grande Big Brother que faz a vistoria do Estado como um todo”. Para o secretário, as câmeras do COI em Morro do Chapéu iriam facilitar o monitoramento, prevenção e ações nos casos de violência.

José Alves lembrou ainda que o turismo ajuda a tirar o jovem da violência, dando oportunidade para o cidadão se capacitar e obter um emprego em um hotel, agência de turismo, restaurante, ser guia turístico, etc. Tudo isso em parceria com o Sebrae e Senac, investindo em cursos profissionalizantes, com certificados. Com informações da Brilhante FM.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.