CidadesCuriosidadesEconomiaMenu Principal

Chapada: Prefeitura de Nova Redenção defende o fortalecimento da agricultura familiar em evento

foto
Representantes do governo de Guilma Soares durante evento em Seabra | FOTO: Divulgação |

O Território de Identidade da Chapada Diamantina recebeu um encontro que reuniu dirigentes da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Rural (SDR), gestores públicos e representantes de movimentos sociais e instituições que representam agricultores e agricultoras familiares desse território composto por 24 municípios. Representantes do município de Nova Redenção, administrado pela prefeita Guilma Soares (PT), defenderam o fortalecimento do setor na região e apoiaram as ações para suprir demandas dos agricultores.

Esse evento foi realizado no Instituto Federal da Bahia (Ifba), em Seabra, e teve como objetivo intensificar a articulação, descentralização e execução de políticas públicas por meio do Serviço Territorial de Apoio à Agricultura Familiar (Setaf) e do Serviço Municipal de Apoio à Agricultura Familiar (Semaf). O vice-prefeito Ademar da Cooteba (PT), esteve no encontro, assim como lideranças e representantes de movimentos sociais de Nova Redenção.

foto5
Gestores e lideranças da região participaram do evento em Seabra | FOTO: Divulgação |

A ação aconteceu de forma integrada com o encontro realizado pelo Colegiado Territorial da Chapada Diamantina com gestores públicos do território, e contou com a presença do diretor-presidente e técnicos da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), da Superintendência Baiana de Assistência Técnica e Extensão Rural, representantes do Consórcio Chapada Forte.

Participaram também prefeitos, lideranças indígenas e quilombolas, integrantes dos Conselhos Municipais de Desenvolvimento Rural e Sustentável, instituições prestadoras de serviços de Assistência Técnica e Extensão Rural (Ater), da Coordenação Estadual dos Territórios (CET) e movimentos e instituições representativas da agricultura familiar do Território.

O encontro abrangeu temas relacionados ao desenvolvimento social unido à preservação ambiental, uma política de apoio à cafeicultura da agricultura familiar na Chapada Diamantina, agroecologia, Ater, Sistema de Inspeção Municipal (SIM), acesso a mecanização agrícola, agroindustrialização, apoio a comercialização e regularização fundiária. As informações são de assessoria.

Leia também
Chapada: Prefeito de Itaetê participa de encontro junto a órgãos estaduais em Seabra
Chapada: Seabra debate incentivos à agricultura familiar com desenvolvimento social e preservação ambiental

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios
Pular para a barra de ferramentas