Rui aponta medidas emergenciais e pede apoio da população para evitar racionamento de água

Postado em abr 12 2017 - 1:00pm por Jornal da Chapada
foto

O chefe do Executivo baiano, Rui Costa | FOTO: Mateus Pereira/GOVBA |

As chuvas que caíram em território baiano nos últimos dias não foram suficientes para melhorar a situação dos principais reservatórios de água que abastecem, principalmente, Salvador e Região Metropolitana (RMS). Diante desse quadro, o governador Rui Costa, que visitou obras de saneamento e abastecimento de água em Salvador, na manhã desta quarta-feira (12), falou sobre algumas ações que estão sendo realizadas para diminuir o risco de racionamento.

“Estamos fazendo obras emergenciais. Neste momento estamos perfurando 18 poços artesianos para reforçar o abastecimento e estamos também fazendo instalações de bombas com bóias flutuantes, a exemplo do que foi feito no período de crise hídrica em São Paulo, para buscar água mais longe nos reservatórios que já estão com nível abaixo do esperado”, explicou o governador.

Até que a chuva volte a cair com volume nas bacias que abastecem as principais barragens da região, a contribuição da população, economizando água, foi solicitada pelo governador. “Todas as providências estão sendo tomadas, mas reforço que nada substitui a cooperação da população no uso diário da água. É preciso que todo mundo ajude para passarmos por esse momento difícil”, concluiu.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.