CidadesCuriosidadesEconomiaMenu Principal

#Bahia: Possibilidade de racionamento em Salvador continua, segundo Embasa

foto6
O reservatório da Pedra do Cavalo foi o único que sofreu queda no volume útil, saindo de 24,23% para 23,46% | FOTO: Carlos Augusto/JGB |

Apesar das chuvas que caíram em Salvador no mês de maio e a melhora nos níveis dos reservatórios que abastecem a capital com água potável, ainda há a possibilidade de racionamento, segundo a Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa). Segundo a empresa, a quantidade de chuva ainda é menor que a média história. Por conta disso, não é possível descartar nenhuma medida voltada para garantir a continuidade do abastecimento diante de uma menor disponibilidade hídrica.

Ainda de acordo com a Embasa, o reservatório que teve o maior aumento no nível do volume útil foi o Joanes 1, que está em 100% de sua capacidade. O Joanes 2 também teve um aumento sensível, saindo de 13,31% para 47,70%. Os outros reservatórios tiveram um aumento menor, como o Santa Helena, que saiu de 11,75% para 22,40%; Ipitanga 1, cujo volume era de 20,09% e foi para 38,47%; e o Ipitanga 2, que saiu de 39,91% para 53,98%. O reservatório da Pedra do Cavalo foi o único que sofreu queda no volume útil, saindo de 24,23% para 23,46%. Jornal da Chapada com informações do G1BA.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios