CidadesCuriosidadesMenu PrincipalPolítica

Geddel chora ao ouvir que permanece na prisão e reclama de uso de algemas na transferência para Papuda

foto
O ex-ministro Geddel Vieira Lima continua preso na Papuda | FOTO: Divulgação |

O ex-ministro baiano Geddel Vieira Lima (PMDB) chorou e reclamou muito durante a audiência de custódia, nesta quinta-feira (6), na 10ª Vara da Justiça Federal do Distrito Federal. Chorou ao saber que continuará preso. Ele ouviu a decisão do juiz Vallisney de Souza Oliveira, titular da 10ª Vara, e ficará encarcerado por tempo indeterminado no complexo penitenciário da Papuda. Geddel se queixou do uso de algemas na viatura da Polícia Federal quando foi levado ao presídio da capital federal.

“Fui levado pela Polícia Federal em Salvador. Vim para cá (Brasília) com algemas. Cheguei à Polícia Federal aqui em Brasília por volta da meia noite e alguma coisa. Fui levado a tarde para o complexo penitenciário da Papuda e surpreendentemente fui algemado novamente, não havia necessidade disso, mas deve ser das normas. Não recebi nenhum tratamento diferenciado nem para melhor nem para pior”.

Leia também
Juiz federal mantém prisão preventiva do ex-ministro baiano Geddel Vieira
‘Compromisso’ de Geddel ‘com a verdade’ assusta aliados; vídeo de campanha de Neto vira chacota

O juiz Vallisney afirmou que irá analisar o pedido de soltura de Geddel na próxima semana. Os advogados solicitaram a prisão domiciliar e o uso de tornozeleira eletrônica, mas não foram atendidos. De acordo com o juiz Vallisney, é necessário periciar o telefone de Geddel e ouvir a esposa do doleiro Lúcio Bolonha Funaro, Raquel Funaro, que teria trocado mensagens com Geddel.

Valisnney afirmou que, para tomar uma decisão se poderá soltar ou não Geddel, teria que analisar o depoimento de Raquel Funaro e por isso determinou os três dias para perícia da Polícia Federal e mais um dia para o posicionamento do Ministério Público. O ex-ministro foi preso na última segunda (3) acusado de obstrução de justiça. Jornal da Chapada com dados do Bocão News e Bahia Notícias.

Leia também
Após visitar Geddel, irmão Lúcio Vieira Lima tem reunião com Temer em Brasília
#Brasil: Ex-ministro Geddel Vieira Lima já está preso na Polícia Federal em Brasília

Confira o vídeo completa divulgado

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios