CidadesCuriosidadesMenu PrincipalMundo

Pesquisa aponta que gestão de Rui é aprovada por 65,7% dos baianos; Neto tem 70,8% em Salvador

neto
ACM Neto cai e Rui Costa sobe na aprovação popular | FOTO: Montagem do JC |

O Instituto Paraná Pesquisas divulgou um estudo em que mostra a aprovação do governo Rui Costa no estado e da gestão do prefeito ACM Neto em Salvador. O levantamento divulgado pela Record/TV Itapoan nesta quarta-feira (29) mostra que o governo petista é aprovado por 65,7% dos baianos. Em Salvador, a administração do democrata tem 70,8% de aprovação entre os soteropolitanos.

No caso do governador Rui Costa, sua gestão é desaprovada por 29,3% dos entrevistados. 4,9% das pessoas ouvidas não souberam opinar. Perguntados como avaliam a administração estadual, os eleitores que consideram boa representam 31,5%. Outros 38,1% afirmam que a gestão é regular; 11,1% acham ótima; 9,2% classificam como ruim; 8,7% dizem que a gestão é péssima; e 1,2% não soube opinar.

Leia também
#Bahia: Pesquisa para governo volta a apontar ACM Neto na liderança; Rui diminui diferença
Temer é rejeitado por 89,4% dos baianos, aponta levantamento da Paraná Pesquisas
#Bahia: Pesquisa aponta que Lula lidera cenários de disputa presidencial no estado

No cenário em que a gestão do prefeito ACM Neto é avaliada, 25,9% desaprovam e 3,3% não souberam responder. Para 18% dos entrevistados, a administração do democrata é considerada ótima. 36,5% acham que é boa; 28,9% classificam como regular; 6,6% dizem que é ruim; 9% apontam como péssima; e 15 não soube opinar.

Os números relacionados à gestão do prefeito ACM Neto representam uma queda de 16% se comparado ao levantamento feito em junho pelo Instituto Paraná Pesquisas. Na ocasião, o gestor tinha 86% de aprovação. No caso do governador Rui Costa, a aprovação cresceu 2%. As informações são do Bocão News.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios