Chapada: Professores de Iramaia param por 24 horas e cobram reajuste do piso salarial

Postado em ago 18 2018 - 1:08pm por Jornal da Chapada

Educadores do município chapadeiro aprovam paralisação durante assembleia e querem cumprimento de lei federal | FOTO: Divulgação |

Nesta terça-feira (21), os professores do município de Iramaia, na Chapada Diamantina, vão paralisar suas atividades por 24h como protesto em razão do não reajuste obrigatório do Piso Salarial Profissional Nacional. A decisão, de acordo com dados enviados ao Jornal da Chapada, aconteceu em assembleia realizada no último dia 15 de agosto. Os educadores aprovaram por unanimidade a paralisação das atividades laborais.

“A Lei Federal 11.738/2008 instituiu o piso tendo como data base o mês de janeiro de cada ano. A portaria ministerial de 27 de dezembro de 2017, de acordo com o custo qualidade aluno estabeleceu um percentual de 6,81% de reajuste do piso para o ano de 2018. Já estamos na segunda quinzena do mês de agosto, e até a presente data o gestor público do município de Iramaia descumpre a lei federal e não sinaliza cumprir a referida lei, e entendemos que lei é para ser cumprida”, aponta trecho de texto enviado ao site.

Ainda conforme os dados, a APLB-Sindicato – núcleo de Iramaia, desde dezembro de 2017 vem buscando o diálogo com a atual gestão. “Várias audiências foram solicitadas e atendidas, mas em todas elas o gestor, insensivelmente, afirma que não tem recursos. No entanto, o Fundeb – que é o fundo que recebe os recursos para a manutenção do ensino da educação básica – chega ao município de Iramaia todo dia 10, 20 e 30. E, além do mais, a União ainda manda uma complementação para o cumprimento do piso”, destacam os professores em nota.

Os educadores também frisam que “não há razão para o descumprimento do piso”. O Núcleo Sindical de Iramaia salienta que defende os profissionais de educação, a educação pública, o ensino de qualidade e que defende o cumprimento do piso, por isso o protesto será de 24h para reivindicar que a lei federal seja cumprida pela gestão municipal. Jornal da Chapada com informações de assessoria.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.