Chapada: TCM reconsidera e aprova contas de Boa Vista do Tupim na gestão de Gidu

Postado em set 13 2018 - 5:36pm por Jornal da Chapada
capa

O ex-prefeito de Boa Vista do Tupim, Gidu, teve contas aprovadas com ressalvas pelo órgão fiscalizador | FOTO: Divulgação/Cell Santos |

O Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), na sessão desta quinta-feira (13), concedeu provimento parcial ao pedido de reconsideração formulado pelo ex-prefeito de Boa Vista do Tupim, na Chapada Diamantina, João Durval Trabuco (PT), o popular Gidu, e emitiu nova decisão, agora pela aprovação com ressalvas das contas relativas ao exercício de 2016. O conselheiro Mário Negromonte, relator do parecer, reduziu uma das multas impostas para R$10 mil, e a outra – em razão da extrapolação do limite para gastos com pessoal – de R$46.800,00, para R$18.720,00.

Na reconsideração, o gestor conseguiu excluir do cálculo de Consignações e Retenções o valor de R$2.016.054,65, por se tratar de receita orçamentária do município, não devendo, portanto, compor a base de cálculo de apuração do artigo 42 da Lei de Responsabilidade Fiscal. Assim, restou evidenciado a existência de saldo suficiente em caixa para pagamento dos restos a pagar, em cumprimento ao disposto na LRF e permitindo a aprovação das contas.

Também foram apresentados os comprovantes de recolhimento de duas multas imputadas ao gestor, nos valores de R$2 mil e R$5 mil, além do pagamento da primeira parcela da multa de R$46.800,00. As informações são do TCM.

Leia também

Valmir destaca crescimento econômico e social da Chapada Diamantina durante agenda na região

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.