CidadesCuriosidadesEducaçãoMenu Principal
Trending

Estudantes da rede estadual em toda a Bahia participam de avaliação de Língua Portuguesa e Matemática

A prova Sabe baseia-se na prova do Sistema de Avaliação da Educação Básica, que é a prova nacional que gera o Índice de Desenvolvimento da Educação.

As escolas estaduais da capital e do interior do Estado iniciaram, nesta terça-feira (24), a aplicação da avaliação de Língua Portuguesa e Matemática do Sistema de Avaliação Baiano de Educação (Sabe) da Secretaria da Educação do Estrado (Sec), que segue até sexta (27). A prova SABE tem o objetivo de fortalecer o processo avaliativo nas unidades escolares, identificando indicadores pedagógicos que subsidiem a atuação da Sec e das escolas nos processos de aprendizagem dos estudantes. O secretário da Educação do Estado, Jerônimo Rodrigues, conferiu de perto o primeiro dia de aplicação no Colégio Estadual Ruth Pacheco, localizado no bairro de Sussuarana, em Salvador.

A prova Sabe baseia-se na prova do Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb), que é a prova nacional que gera o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb). Neste ano, o Saeb ocorrerá do dia 21 de outubro a 1° de novembro. O secretário Jerônimo Rodrigues falou da importância da avaliação para a melhoria dos índices da educação. “Visitei esta escola ao lado do Centro Administrativo da Bahia para celebrar, acompanhar e demonstrar com a nossa presença simbólica que estamos muito alegres e queremos o empenho de todos nestes dias, para que a gente possa aplicar em toda a rede nossa, nas séries escolhidas, a avaliação externa, para em torno dela poder aperfeiçoar e adequar a nossa aprendizagem”, destacou.

A estudante Cauane Freitas, 16, 9º ano, estava ansiosa para fazer a avaliação. “Através desta prova, terei como testar os meus conhecimentos e saber o que ainda terei que melhorar para conseguir ter um melhor aprendizado dos assuntos trabalhados nas duas disciplinas”, afirmou. Robert Silva, 16, também do 9º ano, estava confiante para responder as questões da avaliação. “Eu tenho a expectativa de fazer uma boa prova, pois venho tendo bons rendimentos nas duas disciplinas. Sei que esta avaliação vai contribuir muito para o nosso aprendizado”, revelou.

A diretora do colégio, Sandra Pitanga, também ressaltou de que forma a avaliação pode refletir positivamente no aprendizado dos estudantes. “Com a realização do SABE, a gente tem a oportunidade de preparar este alunado para a prova Saeb. É importante salientar que não é somente a aplicação de uma prova, pois é preciso que este instrumento tenha sido utilizado durante este percurso para saber até onde o aluno está e o que precisará ser feito para esta melhoria. Isso vai dar um feedback muito interessante para que a escola possa construir uma meta específica para que a gente consiga atingir o Ideb desejado”, pontuou. As informações são de assessoria.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios
Pular para a barra de ferramentas