Pular para a barra de ferramentas
CidadesCuriosidadesEsportesMenu PrincipalTop
Trending

#Chapada: “Embasa não tem respeito pelo cidadão”, critica moradora de bairro em Jacobina sobre desabastecimento

Além do bairro Félix Tomaz, moradores de outras localidades, a exemplo de Mundo Novo, Índios, Mutirão, Catuaba e Lagoa Dourada, relataram o mesmo problema.

Moradores de um bairro de Jacobina, município da Chapada Norte, têm passado por constante falta de água. Uma moradora do bairro Félix Tomaz desabafou ao site Jacobina Notícias, nesta quarta-feira (29), sobre a situação que tem vivido. A mulher, que preferiu não se identificar, disse que precisou “comprar água mineral para fazer o café” da família. Ela lembrou que, mesmo diante de um ano chuvoso e da pandemia, que exige das pessoas uma higienização constante, o desabastecimento de água pode ser considerado uma questão de saúde pública. Ela aponta que já falou diversas vezes com funcionários da Embasa, mas o problema persiste.

“A Embasa não tem respeito pelo cidadão”, disse. A moradora, ressalta que já é a “milésima” vez que faz a denúncia. “Eu moro na Rua São Gabriel, no Félix Tomaz, e nessa chuva estou sem uma gota de água dentro de casa. Ontem [terça] tive que comprar água mineral para fazer o café. Caiu água aqui domingo [há três dias] mas tava bem fraca, não subiu para o tanque. Ontem [terça] falei com uma funcionaria da Embasa, que disse que ia passar o assunto para o manobrista e até agora nada. Amanheci sem uma gota de água, nesses tempos de pandemia de chuva e a Embasa não tem respeito pelo cidadão”.

Ela continua o relato ao site Jacobina Notícias, dizendo que tem várias reclamações de mensagens guardadas em seu celular. “Depois que começou a pandemia já fiquei sem água pelo menos umas quatro vezes e a minha conta dobrou o valor. Eu pagava antes mas ou menos R$39 agora estou pagando R$76, e nunca fiquei devendo nada. Várias vezes eu tenho que pedir ajuda por conta da falta de respeito da Embasa. Sempre guardo [uma] reserva para uma emergência, como você está vendo não tenho mais nada e a água ainda vem assim, suja”, finaliza a dona de casa, indignada com o serviço de abastecimento de água. Ainda segundo informações, moradores de outros bairros, a exemplo do Mundo Novo, Índios, Mutirão, Catuaba e Lagoa Dourada, relataram o mesmo problema.

Jornal da Chapada

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios