Pular para a barra de ferramentas
CidadesCuriosidadesMenu PrincipalMundoTop
Trending

#Polêmica: Internautas acusam o petista Fernando Haddad de ter feito post racista sobre o ‘caso Robinho’

O político compartilhou um vídeo do comentarista esportivo Walter Casagrande sobre as acusações contra o jogador santista e web viu racismo em seu trocadilho.

Ex-candidato do PT à presidência da República, Fernando Haddad virou alvo de críticas nas redes sociais neste sábado, 17, após fazer um post acusado de racista. O petista compartilhou um vídeo do comentarista esportivo Walter Casagrande em que ele fez menção ao caso do jogador Robinho, condenado a 9 anos de prisão pela Justiça italiana após acusação de violência sexual.

O post de Haddad fez referência à Casa Grande, casa em que moravam os donos de escravos no Brasil do século 19 para trás. “Tem Casa Grande que vale a pena”, comentou o petista ao compartilhar o vídeo do comentarista esportivo. Logo após a repercussão negativa de seu post, Haddad o apagou.

Haddad é acusado de fazer post racista sobre o caso Robinho | FOTO: Reprodução/Twitter |

As críticas nas redes sociais foram várias. “A principal estrutura de opressão da escravidão NUNCA vale a pena, nem em trocadilho racista de internet. Não basta apagar, você precisa se retratar”, escreveu Simone Nascimento, jornalista do Movimento Negro Unificado.

“O mínimo que você deve fazer é se retratar pelo trocadilho racista. Só apagar e fingir que nada aconteceu não adianta. Seu fandom está atacando mulheres negras que o criticaram pelo erro”, completou Leví Kaique Ferreira, colunista do site Mundo Negro.

O vídeo ao qual Haddad se referiu é um em que Casagrande critica a postura do Santos Futebol Clube em querer contratar Robinho, mesmo após a Justiça italiana ter condenado o atleta à prisão. “O Robinho está condenado a 9 anos de prisão por violência sexual na Itália, ele está condenado. Eu fico assustado com o que acontece no Brasil (…). Eu não aceito, eu não vou me calar perante esse tipo de coisa”, disse o comentarista esportivo.

Pelo Twitter, após a repercussão negativa, Haddad afirmou que estava ironizando a casa-grande. “Errei e apaguei porque mesmo tendo intenção antirracista, não cabe ironia como uma dor que eu não senti, privilegiado que sou. Aprende-se. Estamos juntos”, escreveu o petista. Redação do site Catraca Livre.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios