CidadesCuriosidadesEconomiaMenu PrincipalTop
Trending

#Chapada: Juiz acolhe ação de investigação contra Reinan e Edinho em Bonito; caso partiu de candidato de oposição

A política no município chapadeiro está em ebulição após a justiça aceitar a denúncia da coligação opositora à atual gestão que busca a reeleição.

E a política pega fogo no município de Bonito, na Chapada Diamantina. A denúncia do candidato do PSD a prefeito em Utinga, Lucas Leal, contra o ex-prefeito de Bonito, Edivan José Cedro de Souza, o popular Edinho (veja aqui), está dando o que falar. É que foi protocolado na Justiça Eleitoral, da 69ª Zona, com sede na comarca de Utinga, no dia 29 de outubro, uma Ação de Investigação Judicial Eleitoral (Aije), por abuso de poder político. A ação eleitoral é uma iniciativa da coligação de oposição, encabeçada por Rômulo Oliveira (PSB), contra o prefeito e candidato à reeleição Reinan Cedro de Oliveira (PSD) e contra o secretário municipal de Educação, o ex-prefeito Edivan José Cedro de Souza, o popular Edinho (PL).

A Aije de número 0600566-39.2020.6.05.0069 foi fundamentada com vasto material como provas de condutas vedadas em período eleitoral, e foi recebida pelo juiz Leonardo Carvalho Tenório de Albuquerque, que inclusive já se pronunciou pelo acolhimento na ultima quarta-feira (4). Vale informar, que a dupla Reinan e Edinho tem cinco dias para apresentar defesa. “Bem feito, eles têm gasolina para fazer a campanha política deles, veja como ficou o posto de gasolina do município no dia do evento de Reinan. Tem gasolina para ajudar Jai Monteiro a fazer política em Utinga, e que não vai para lugar nenhum, já que o prefeito Joyuson Vieira é o favorito na eleição, como bem disse o próprio Edinho”, aponta um empresário de Bonito, que preferiu não se identificar.

Aglomeração até na hora de abastecimento em posto de Bonito para evento político | FOTO: Divulgação |

“Entretanto, a prefeitura vive dizendo que não tem gasolina para as necessidades básicas do povo de Bonito. A justiça tem que intervir, a situação está feia. E se vocês querem saber, doutor Lucas Leal não mentiu quando se referiu a Edinho como ‘coronelzinho da cidade vizinha'”, dispara o empresário. Ainda segundo as informações, como se não bastassem a falta de segurança pública no município com o episódio da morte de Diogo Ferreira da Silva, o popular ‘Dunga’, durante a manifestação política realizada no domingo, dia 25 de outubro, os casos de covid-19 registrados nos boletins epidemiológicos do município deu um salto de 13 para 25.

“E olha que nessa conta ainda não estão contabilizados os casos que estão surgindo em decorrências dessas aglomerações, já que são cinco dias, em média, para aparecerem os sintomas da contaminação da covid. Também, o que podemos esperar de um município que em tempos de pandemia se preocupa em fazer licitação de quase R$17 mil para compra de material esportivo”, completa o denunciante.

Sobre os dados pandêmicos no município, no dia 22 de outubro eram nove casos ativos, no dia 23, 13 casos ativos, já no dia 26, um dia depois da realização do evento da coligação de ‘Reinan de Lourinho’, o boletim epidemiológico da Secretaria de Saúde de Bonito registrou 25 casos ativos. Os números oscilam, já que no dia 28 eram 22 casos ativos, e até o dia 29 eram 23 casos ativos da doença infectocontagiosa. A covid vem matando milhões de pessoas pelo mundo e já matou uma pessoa em Bonito. No dia 4 de novembro, o município registrou 11 casos de infecção.

Jornal da Chapada

Boletim atualizado em Bonito

Etiquetas

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios