Pular para a barra de ferramentas
CidadesCuriosidadesEditorialMenu Principal
Trending

De olho em 2022, ACM Neto analisa eleições e diz que seu grupo tem palanque em todos os municípios baianos

“O resultado das eleições municipais é claro que anima, mas tudo na sua hora. Não há hipótese de eu me declarar candidato agora”, pontuou o democrata.

Presidente nacional do Democratas e prefeito de Salvador, ACM Neto, comentou o resultado das eleições municipais na Bahia, durante um evento na Estrada Velha do Aeroporto na última terça-feira (17). Perguntado pelo site Informe Baiano sobre o novo cenário desenhado e a possibilidade de uma candidatura ao Governo do Estado, o gestor disse que está “credenciado para ser candidato a governador daqui a dois anos”.

“O resultado das eleições municipais é claro que anima, mas tudo na sua hora. Não há hipótese de eu me declarar candidato agora”, pontuou. O líder do DEM comemorou vitórias em cidades do interior consideradas estratégicas e que antes o seu grupo não administrava, a exemplo de Eunápolis, Porto Seguro, Teixeira de Freitas, Guanambi, Barreiras, Luís Eduardo Magalhães, Santo Antônio de Jesus, Cruz das Almas, Dias d’Ávila e Campo Formoso.

Há ainda prefeitos eleitos de municípios administrados por partidos de oposição, a exemplo de Adriano Lima (Serrinha), que é do PP, mas considerado aliado de Neto. A base de ACM Neto elegeu a maioria dos prefeitos nos 30 principais colégios eleitorais da Bahia. O democrata lembrou que antes, em algumas cidades, o seu grupo não tinha nem um vereador para recebê-lo, mas a situação mudou bastante.

Conforme Neto, agora seu grupo vai ter palanque em todos os lugares da Bahia. Animado, afirmou ainda que “estava com saudade da política do interior”, pois “tem um gostinho especial”. Inclusive, acrescenta o democrata, “alguns prefeitos que eu ajudei a eleger já me pediram consultorias gratuitas e eu vou ajudar a levar algumas dicas de projetos para essas cidades”.

Sobre férias, disse que não pretende descansar em janeiro por causa das eleições do Senado e da Câmara Federal. “O Democratas não sabe se lançará candidato próprio na Câmara Federal e no Senado ou se apoiará alguém, mas vai estar envolvido nas articulações”, concluiu ACM Neto. Em duas cidades, há disputa no segundo turno. Em Feira de Santana e Vitória da Conquista, o MDB, com o apoio de Neto, disputa o comando das prefeituras com o PT. As informações são do site Informe Baiano.

Etiquetas

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios