CidadesCuriosidadesEditorialMenu PrincipalTop
Trending

#Vídeo: Ministro da Saúde critica imprensa em coletiva e recebe invertida de jornalista; “Tem que entender de vacinação”

“O ministro Pazuello parece não saber que interpretar significa dar sentido às coisas. Sem interpretar você não informa corretamente, você é enrolado”, disse a âncora do Jornal da Globo, Renata Lo Prete.

Sem responder perguntas de jornalistas, na coletiva realizada na última quinta-feira (7), o ministro da Saúde, general Eduardo Pazuello, fez críticas à imprensa e abandonou a entrevista. A coletiva foi no intuito da pasta dar mais detalhes da medida provisória sobre a compra de vacinas e insumos para a imunização da população contra a covid-19, doença causada pelo novo coronavírus (Sars-CoV-2).

De acordo com o ministro, o chefe da pasta não precisa falar sempre e todas as informações passam por ele antes de serem divulgadas. “É assim que funciona. Meu executivo responde por mim. Se precisar de alguma correção, eu falo. Eu corrijo, mas quando eu falo não precisa ter correção”, disse o general.

Para sair antes do fim da entrevista coletiva, Pazuello justificou que tinha “outros compromissos” durante o dia e participaria de uma reunião com o presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Ao se referir aos veículos de imprensa, o general disse que “é difícil ter profissionais de nível e fazer a comunicação correta” e ainda falou em “desinformação”. “O assunto comunicação é assunto diário no Ministério da Saúde. É muito complicado chegar à efetividade e à eficácia necessária”, completou o ministro.

Em alguns momentos, Pazuello criticou também o trabalho de fotógrafos. “Eu não posso levantar o dedo uma vez que os fotógrafos já apontam a máquina fotográfica para mim”, comentou. Minutos depois, quando voltou a fazer gestos com a mão levantada, o ministro voltou a tocar no assunto e fez uma breve reclamação. “Quer tirar foto?”, disse ao repetir a posição que tinha feito anteriormente. “Que chato”, emendou.

Jornalistas da Globo, como a âncora Renata Lo Prete, fizeram duras críticas à postura do então ministro pela coletiva sem direito a perguntas. “Não falta assunto a pedir resposta do ministro Pazuello, mas ele resolveu usar um tempo da entrevista coletiva para atacar o trabalho da imprensa”, disse.

“O ministro Pazuello parece não saber que interpretar significa dar sentido às coisas. Sem interpretar você não informa corretamente, você é enrolado”, continua Renata. A jornalista completa que “o importante mesmo é o ministro entender de vacinação”. Jornal da Chapada com informações do portal iG.

Veja aqui o vídeo

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios