CidadesCuriosidadesMenu PrincipalSaúde
Trending

#Salvador: Sempre promove retorno de migrante para Belo Horizonte

Pinheiro Neto conseguiu voltar para casa, para reencontrar a esposa e o filho de 2 anos, com a ajuda da prefeitura de Salvador.

Às 19 horas da segunda-feira (4), o ônibus partiu de Salvador em direção a Belo Horizonte (MG). Nele, com esperança renovada, seguiu também o pedreiro João Galvão Pinheiro Neto, que em meio à pandemia ficou desempregado, após 20 anos de carteira assinada. Depois do contato com um colega de profissão, chegou a Salvador com a promessa de um emprego que não foi cumprida e, sem recursos, ficou em situação de rua.

Pinheiro Neto conseguiu voltar para casa, para reencontrar a esposa e o filho de 2 anos, com a ajuda da equipe técnica da Secretaria Municipal de Promoção Social, Combate à Pobreza, Esporte e Lazer (Sempre). “Dormi no chão, precisei pedir comida para as pessoas. Passei frio e fome. Até que eu encontrei a Prefeitura, que me acolheu e agora está me dando a passagem para voltar pra casa”, declarou.

O pedreiro foi abordado por uma equipe do Serviço Especializado em Abordagem Social (Seas), no último dia 27 de setembro, e encaminhado à Unidade de Acolhimento Institucional (UAI), em Pirajá.

A assistente social Tânia Souza contou que, durante a semana em que ficou acolhido, Pinheiro Neto sempre se mostrou muito educado, simpático e tranquilo. “Desde que chegou, manifestou seu desejo de voltar ao convívio da família em Belo Horizonte. Como tinha toda a documentação, foi feito o pedido de Auxílio Viagem, que foi concedido de forma rápida. Hoje temos a satisfação de promover esse retorno ao lar”, contou a assistente social Tânia Souza.

“Quando identificamos algum assistido em situação de rua que é migrante, buscamos identificar os motivos que o trouxeram a Salvador. Daí, quando eles informam o desejo de retornar para a cidade de origem, os técnicos realizam buscas por referências familiares e contatos com a equipe de assistência social do destino, para promover o retorno, por meio do benefício do Auxílio Viagem, de forma segura e com direitos socioassistenciais garantidos”, explicou o secretário da Sempre, Kiki Bispo.

Funcionamento
O Auxílio Viagem é um benefício socioassistencial, no valor da passagem de ônibus, de modo a garantir ao cidadão condições dignas de retorno à cidade de origem, em outras cidades, povoados ou estados do território brasileiro, com vistas a garantir a convivência familiar e comunitária. Este ano, foram investidos R$21 mil para concessão de 57 benefícios do tipo.

Este auxílio pode ser solicitado por pessoas em situação de vulnerabilidade e risco social, atendidas ou acompanhadas nos equipamentos e serviços socioassistenciais, como os Centros de Referência e Assistência Social (Cras), Centros de Referência Especializados em Assistência Social (Creas), Centros Pop e UAIs. As informações são de assessoria.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios