Pontos turísticos da Chapada Diamantina ganham volume de água com chuvas; confira fotos e vídeos

Postado em jan 8 2016 - 9:23pm por Jornal da Chapada
foto5

Depois do período de seca e queimadas, a Cachoeira do Capivari emociona com o volume de água | FOTO: Reprodução/Ícaro Vogelaar/Facebook |

As chuvas que finalmente chegaram à Chapada Diamantina esta semana trouxeram esperança e alegria para a natureza e para os moradores da região. Além de acabar com o fogo, que perdurou por mais de 70 dias, as chuvas revitalizaram a flora, a fauna e engrossaram os leitos dos rios e as quedas das cachoeiras, beneficiando, por consequência, o turismo de norte a sul da Chapada. Nas redes sociais, por exemplo, páginas de empresas de turismo, de guias e de moradores estampam imagens e vídeos da força das águas dentro e fora do Parque Nacional.

foto5

Imagem captada pelo fotógrafo Talles Lins e enviado ao Jornal da Chapada por internautas mostra a natureza se recuperando. Não há informações de quando foi a foto | FOTO: Reprodução/Talles Lins/Facebook |

Para os turistas que se afastaram da região por conta dos focos de incêndio, este é o melhor momento para aproveitar a Chapada, pois os rios estão cheios e o fogo extinto. A seguir, confira as imagens recentes de como ficaram importantes pontos turísticos após as fortes chuvas, que atingiram as cidades de Lençóis (Ribeirão do Meio, Cachoeira da Primavera, Rio Lençóis e Capivari), Ibicoara (Buracão, Rio Espalhado e Cachoeira do Rio Preto), Jacobina (Cachoeira do Tombador), Morro do Chapéu (Cachoeira do Ferro Doido), Palmeiras, mais especificamente no Vale do Capão (Cachoeira da Fumaça e Cachoeirinha) e na região do Vale do Pati (Cachoeirão).

Jornal da Chapada

Confira fotos de alguns pontos turísticos atualmente:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Vídeo de Karla Santana, do Rio Lençóis, após chuva, no dia 5 de janeiro de 2016:

Vídeo do Ribeirão do Meio, em Lençóis, por Túlio Saraiva, em 5 de janeiro:

Em Palmeiras, a Cachoeira da Fumaça, cuja região foi atingida durante vários dias por incêndios florestais, mostra-se forte após as chuvas:

O guia Dede Dantas Alves registrou a Cachoeira do Rio Preto (Ibicoara) no dia 6 de janeiro. O município de Ibicoara também foi atingido pelos focos de incêndio:

Cachoeira do Serrano, em Lençóis, por Túlio Saraiva, no dia 5 de janeiro:

Vídeo do Rio Paraguaçu publicado por Delma Nunes Oliveira:

A Cachoeira do Buracão, em Ibicoara, foi outro ponto turístico que está com águas renovadas. O vídeo foi publicado no perfil do Hotel Raio do Sol:

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

2 Comentários Sinta-se livre para participar desta conversa.

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.