CidadesCuriosidadesMenu PrincipalPolítica

Chapada: Ex-prefeito do município de Itaberaba não explica irregularidades em obras do FNHIS durante sua gestão

joaozinho
A equipe jurídica do Jornal da Chapada está de prontidão para responder o caso na Justiça e encontrar João Filho no tribunal mais uma vez por danos morais | FOTO: Divulgação |

O ex-prefeito de Itaberaba, cidade da Chapada Diamantina, João Almeida Mascarenhas Filho (PP), foi até ao programa ‘Primeiras Notícias’ de uma rádio da cidade, na manhã desta sexta-feira (15), afirmando que o Jornal da Chapada estaria criando inverdades sobre como ele e sua equipe conduziram o projeto do Fundo Nacional de Habitação de Interesse Social (FNHIS), que prevê a construção de moradia na poligonal Açude Novo, Irmã Dulce e o Empreendimento Nova Cidadania II, os quais, segundo informações documentais, não foram concluídos pela sua gestão. Ele teria deixado complicações para a engenharia da nova administração municipal, gerida pelo prefeito Ricardo Mascarenhas (PSB).

João Filho disse, durante essa ‘entrevista’, que foi descoberto recentemente a empresa Henmatel Serviços Especializados Ltda- ME, responsável pelas obras. “A empresa foi quem fez uma enganação, não sei o que aconteceu e quem descobriu, mas querem colocar a culpa em mim”, rebateu. Por ter exposto essa situação, da responsabilidade do ocorrido nas obras sobre sua gestão, já que ela realizou 70% da obra, como o gestor bem afirmou, o Jornal da Chapada e sua equipe foi atacada como responsável pelo fato. E o fato é que há problemas nas obras e elas foram descobertas na nova gestão, do prefeito Ricardo Mascarenhas.

A equipe do Jornal da Chapada tem o compromisso com a verdade, inclusive, quando publicou um texto relembrando a reportagem do programa Fantástico, da Rede Globo de Televisão, em que João Filho e sua gestão municipal foram protagonistas. No caso, da pior forma possível. O ex-prefeito afirmou que entrará com um eventual processo contra a empresa e contra sua editora. No entanto, a equipe jurídica do JC está à postos para responder o caso na Justiça, e encontrar João Filho no tribunal mais uma vez por danos morais, já que ele já responde a uma ação dessa ajuizada por nossa editora e pelo nosso periódico.

Na época, assim como fez agora, ao invés de se defender dos fatos, o ex-gestor escolhe o caminho mais fácil, que é tentar ferir a credibilidade do periódico e de sua editora. Nos valendo da prerrogativa jurídica jornalística não exporemos nossas fontes a quem quer que seja, já que é um direito que nos cabe para proteger as pessoas que contribuem para a apuração dos fatos. Mas, veja aqui uma mostra do que temos sobre esse processo. Como no caso, as falhas nas obras são fatos comprovados e não boatos. E são com eles que Ricardo Mascarenhas e sua equipe têm que lidar.

Jornal da Chapada

Leia também

Chapada: Herança maldita de João Filho deve levar Itaberaba a devolver R$ 1,5 milhão à Caixa Econômica

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios
Pular para a barra de ferramentas