AssessoriaCidadesCuriosidadesMenu Principal
Trending

Chapada: Morangos e uvas de produção familiar de Morro do Chapéu são vendidos em feira de Salvador

Um quilo de morangos congelados, por exemplo, sai por R$15 nas barracas da feira do Largo do Dois de Julho

De repente, você acorda às 6h da manhã de domingo morrendo de vontade de comprar morangos vindos da Chapada Diamantina. Pois o Largo do Dois de Julho é um lugar onde se pode fazer feira quase de madrugada. As barracas montadas duas vezes por semana no estacionamento da Rua da Faísca são uma iniciativa da Cantina Boi Vivo, que fica na mesma rua, e da Associação de Trabalhadores Rurais de Amargosa.

Além da Feira Agroecológica do Boi Vivo, alguns itens podem ser encontrados na própria cantina, que vende “produtos sem conservantes”. A definição é de Fábio Santana, um dos sócios do empreendimento. A Boi Vivo trabalha com alimentos saudáveis, de produção familiar de Amargosa e de Morro do Chapéu, na Chapada Diamantina. Dessa segunda, vêm morangos e uvas. Um quilo de morangos congelados sai por R$15.

Os alimentos processados que levam a marca Boi Vivo são feitos no Polo de Produção, em Amargosa. Entre as opções, lasanha com tofu e queijo (R$10), marmita vegana (R$12,90), sucos de jaca com cupuaçu ou morango, ambos com mel de cacau (R$4, 250 ml). As cervejas artesanais variam de R$ 12 a R$ 25,90.

Aos domingos, a feira acontece das 6h às 12h. Às quartas, das 18h30 às 22h. Nesse horário, o calçadão onde fica a loja ganha uma cara de feira de bairro mesmo, com pessoas circulando entre a loja e o estacionamento, com o vendedor chamando os clientes pelo nome. As informações são do jornal A Tarde.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios
Pular para a barra de ferramentas