Governo da Bahia lança licitação para instalação de gás veicular em unidades da frota estadual

Postado em out 5 2016 - 12:16pm por Jornal da Chapada
gas

Será realizado investimento de R$ 800 mil pela Bahiagás | FOTO: Reprodução |

A Secretaria da Administração (Saeb) publica nesta quarta-feira (5), no Diário Oficial do Estado (DOE), edital de licitação para a contratação de empresa responsável por instalar kits de Gás Natural Veicular (GNV) em veículos pertencentes à frota estadual baiana. A iniciativa é fruto de convênio firmado entre a secretaria e da Companhia de Gás da Bahia (Bahiagás), em junho deste ano, e vai contemplar 140 carros que atendem órgãos e entidades da Administração Pública Estadual em Salvador.

De acordo com o convênio, será realizado investimento de R$ 800 mil pela Bahiagás, com o objetivo de incentivar o uso de combustíveis alternativos, promovendo, consequentemente, uma redução em cerca de 50% nos custos do Estado neste segmento. Outra grande vantagem na adoção do GNV está na redução da emissão de monóxido e dióxido de carbono no meio ambiente, diminuindo os índices de poluição do ar. A Bahiagás vai financiar o projeto como parte de sua estratégia mercadológica de fomentar o uso do GNV no estado, não havendo ônus aos cofres públicos baianos.

A licitação, a ser realizada na modalidade pregão presencial, estabelece que a empresa vencedora será responsável por instalar e prestar manutenção aos kits veiculares, bem como substituir em cada veículo um jogo de cabos e um jogo de velas, filtro de ar e filtro de combustível líquido (de acordo com o modelo do veículo). As peças são essenciais para que um veículo funcione bem usando o GNV como combustível e a contratada deve prestar manutenção dentro do período de doze meses.

Ainda será obrigação da vencedora apresentação do Certificado de Registro de Instalador (CRI) outorgado pelo Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) e realizar a inspeção dos kits instalados junto a empresa certificada pelo Inmetro, de acordo com normas e critérios de segurança estipulados pelo Código de Trânsito Brasileiro (CTB) e pelas resoluções do Conselho Nacional de Trânsito (Contram) e do Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama). As propostas de preço devem ser entregues na sede da Saeb, localizada na 2ª Avenida do CAB, n° 200, Centro Administrativo da Bahia, na data e horário da licitação, divulgados no edital.

Especificações técnicas
Os kits de conversão serão instalados em veículos preferencialmente recém adquiridos, leves, movidos à gasolina/álcool e de uso administrativo, a exemplo de Ecosport, Fiesta, Palio, Sandero e Parati, obedecendo a cronograma e distribuição em quatro lotes. O procedimento será realizado em Salvador, preferencialmente na sede da contratada. De acordo com a cotação realizada em setembro, o custo médio para a instalação de um kit GNV foi estimado em R$ 5,7 mil. Na época em que o convênio foi assinado, a Saeb realizou uma análise para verificar a vantagem da mudança no uso de combustíveis líquidos para Gás Natural Veicular.

Pelo estudo, um veículo à gasolina do Estado consome R$ 1.100 por mês, enquanto que um carro movido à GNV gastará R$ 562 mensalmente. A análise levou em consideração uma situação hipotética, com consumo de 10 litros de gasolina por dia, com preço médio de R$ 3,66 por litro – o gás natural necessitaria de 7 metros cúbicos, com o valor unitário de R$ 2,34 por metro cúbico. Nos dois casos, o veículo rodaria cerca de 100 quilômetros. Entretanto, os 10 litros de gasolina custariam cerca de R$ 36, enquanto que os 7 metros cúbicos sairiam em torno de R$ 23.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.