Abertas inscrições de faixas musicais para a coletânea Bahia Music Export

musica

A seleção será realizada em parceria com o Brasil Music Exchange da BM&A – Brasil Música e Arte | FOTO: Reprodução |

Músicas de artistas baianos e/ou produzidas na Bahia podem ser inscritas, até 4 de julho de 2014, na seleção do Bahia Music Export (BMEX) – Coletânea 2014, que vai produzir o volume seis, destinado a gêneros variados, e o volume sete, no qual estarão músicas com ritmos e sonoridades bass culture. Promovido pela Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (Secult), o BMEX visa impulsionar a internacionalização da música baiana, além de promover a mobilidade de artistas, profissionais e conteúdos musicais no exterior. Poderão ser submetidas até três faixas por artista. As inscrições devem ser realizadas através do link do projeto. https://soundcloud.com/groups/bahia-music-export-2014

“O Bahia Music Export contribui tanto para o desenvolvimento da música baiana, como para a sua inserção no mercado internacional. Esta seleção aberta possibilita termos um panorama da diversidade musical da Bahia. A cada edição, as coletâneas vêm se constituindo como uma ferramenta importante para fazer chegar ao mundo o que está sendo produzido pela música no estado. Graças ao BMEX, temos faixas sendo executadas nas rádios de diversos países, e bons resultados, como álbuns gravados e convites para shows”, afirma a assessora de relações internacionais da SecultBA, Monique Badaró. O resultado da seleção será publicado no site da SecultBA (www.cultura.ba.gov.br), até 30 dias após a data de encerramento das inscrições.

Curadoria
A seleção será realizada em parceria com o Brasil Music Exchange da BM&A – Brasil Música e Arte, e terá como curador do volume seis Zjakki Willems, jornalista, representante da BM&A na Bélgica, programador de rádio e co-fundador do World Music Workshop da EBU (European Broadcasting Union), especializado em música brasileira, que também foi curador de música para o Europalia Brasil Festival. Já o curador do volume sete será David Katz, jornalista, fotógrafo, produtor de programas de rádio, um dos mais respeitados especialistas em reggae do Reino Unido e autor de várias publicações sobre o tema.

A curadoria levará em conta, como critério de seleção, a adequação das obras ao perfil do mercado internacional. Além disso, poderá incluir outras faixas que julgar importante para compor um repertório representativo da arte da criação musical e da diversidade cultural da Bahia.

Distribuição internacional
As coletâneas serão inicialmente lançadas e distribuídas em feiras internacionais, com especial destaque para a Womex – Feira Internacional de Música, especializada em World Music e, posteriormente, serão enviadas a rádios públicas, jornalistas, programadores de festivais internacionais e outros agentes do mercado internacional de música, podendo ser distribuídas também para divulgadores nacionais.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.