Pouca chance de chuva na Chapada Diamantina neste início de semana

Postado em jan 16 2017 - 5:50pm por Jornal da Chapada
foto2

As temperaturas permanecem elevadas, com máximas podendo atingir os 37°C | FOTO: Arquivo/Kennedy Silva |

Para o início desta semana, a previsão é de que as chuvas diminuam em parte da Bahia, a exemplo da região central que compreende o Norte, Chapada Diamantina e Sudoeste do Estado, onde a massa de ar quente e seco volta a influenciar com maior intensidade reduzindo a nebulosidade e as chances de ocorrer chuvas. Contudo, as temperaturas nessas regiões permanecem elevadas, com máximas podendo atingir os 37°C, o que pode causar chuvas fracas e isoladas. Nas demais regiões da Bahia onde a atuação da massa de ar é menor, há maior possibilidade de ocorrer chuvas, porém de fraca intensidade.

No Oeste e São Francisco, é a umidade vinda da região amazônica combinada às altas temperaturas (máximas de 36°C) os principais responsáveis para que essas chuvas ocorram. Já, no Nordeste, Recôncavo e Sul quem ainda deve influenciar o tempo, deixando o céu parcialmente nublado, é a umidade trazida pelos ventos vindos do Oceano Atlântico que, combinados ao calor (típico dessa época do ano) poderão intensificar essa nebulosidade trazendo chuvas fracas e isoladas, especificamente para faixa litorânea.

Para a cidade de Salvador e região metropolitana, onde essa umidade vinda do Oceano também poderá trazer chuvas fracas, as temperaturas se manterão elevadas, com valores variando entre mínimas de 24°C e máximas de 32°C. Com a chegada do verão, as temperaturas se elevam e as chuvas ficam mais intensas. O aumento da nebulosidade é um dos reflexos para reduzir a incidência de radiação solar e, consequentemente, nos Índices de Radiação Ultravioleta (IUV’s).

Tal redução pode ser vista na previsão para os dias 17/01 (terça-feira) e 18/01/2017 (quarta-feira), quando ainda predominarão IUV’s com valores 12 e 13, o que, segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), fazem parte da categoria de intensidade “Extrema”. Os cuidados quanto à exposição prolongada à radiação solar deverão ser redobrados, principalmente nos horários das 10 às 16 horas. É recomendado a utilização de protetor/filtro solar, chapéus, bonés, óculos escuros e roupas leves, para minimizar os danos causados a saúde. As informações são do Inema.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.