Mucugê: Vereadora não registra candidatura para presidência da Câmara e culpa manobra política

Postado em mar 6 2018 - 4:18pm por Jornal da Chapada
edil

Núbia afirma que houve uma manobra política para que ela não participasse do pleito, uma mudança sem aviso prévio | FOTO: Montagem do JC |

A decisão de antecipação das eleições para Mesa Diretora da Câmara Municipal de Mucugê, na Chapada Diamantina, acabou criando uma situação desconfortável para a vereadora Núbia Novaes (PSB), que não pôde se candidatar, e a edil acusa seus adversários políticos. Núbia afirma que houve uma manobra política para que não participasse do pleito, uma mudança sem aviso prévio.

Inclusive a vereadora afirmou ao Jornal da Chapada anteriormente que avisou ao presidente da Casa, José Almeida Santos, o popular Zelinho (PSD), sobre o fato de que estaria viajando e, ao que deixou a entender, isso teria sido utilizado contra ela. “Nenhuma das duas chapas protocoladas me quiseram como presidente. Mesmo tentando validar minha chapa até o último minuto, não consegui anuência dos componentes”, afirmou a edil.

As eleições acontecem nesta quarta-feira (7), às 9h da manhã. O presidente da Câmara de Mucugê foi procurado pela nossa equipe de redação, no entanto, não foi localizado em nenhum dos seus contatos. A vereadora Núbia afirmou que manterá seus trabalhos de forma independente e convidou a todos para presenciarem a eleição.

Por Adalício Neto / Jornal da Chapada

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.