#Brasil: Prefeito de Salvador ACM Neto assume DEM e lança pacto com os brasileiros

Postado em mar 9 2018 - 10:11am por Jornal da Chapada

Segundo assessoria, gestão em Salvador é exemplo para projetos e ideias apresentados em convenção pelo partido | FOTO: Divulgação |

O Democratas nacional está oficialmente de presidente novo. Além disso, apresentou um manifesto que propõe um pacto com o Brasil em defesa de um país com mais otimismo, empreendedorismo, da livre iniciativa e “dos homens e mulheres donos dos próprios destinos, que não admitem mais tutores ou salvadores da pátria”, como disse aquele que foi eleito para refundar e renovar o partido, o prefeito de Salvador, ACM Neto. A convenção ocorreu na última quinta (8) em Brasília, reunindo lideranças de todo o território nacional e de várias outras siglas, a exemplo do PP, PR, PSDB, MDB, PRB e Solidariedade.

Eleito melhor prefeito do Brasil, o estilo de gestão pública em Salvador, onde ACM Neto transformou a rua em seu gabinete, será uma referência para esse novo Democratas. Principalmente a aproximação com a população, sem qualquer tipo de extremismo – a legenda se coloca ideologicamente como de centro e democrática, no sentido de que pretende ouvir toda a sociedade.

A partir daí, a ideia de transformar o Brasil, o que vai exigir atitudes corajosas. “Nossas prioridades são refundar o Estado brasileiro em bases mais realistas, mais racionais e mais sintonizadas com as exigências de um mundo que está em constante e veloz transformação. Debater as imperfeições de cada Poder da República com coragem, de forma serena, sem radicalismos ou corporativismos. Estamos assumindo o compromisso com o Brasil de que, quando for necessário, vamos cortar na carne da política”, discursou ACM Neto, que foi recebido na convenção aos gritos de “governador”.

Ao lado do antecessor no comando do partido, senador Agripino Maia (RN), do ministro da Educação, Mendonça Filho (PE), e do presidente da Câmara Federal, Rodrigo Maia (RJ), lançado pré-candidato à Presidência da República na convenção, o novo presidente do Democratas disse que o partido se compromete, através do pacto firmado pelo manifesto, a mudar o atual sistema político e partidário, para torná-lo mais confiável aos olhos da população e com o objetivo de revigorar a democracia. O combate implacável à corrupção e aos desperdício de dinheiro público foram outros pontos defendidos por ACM Neto.

Educação e social
O prefeito de Salvador apontou ainda como pontos do manifesto a parceria com a iniciativa privada na área de infraestrutura e até em políticas sociais. Defendeu a necessidade de combater o flagelo das drogas e da violência que atingem principalmente os jovens negros das periferias. Bem como a instrumentalização de mecanismos mais eficientes para apoiar segmentos sociais mais frágeis, como as pessoas com deficiência, crianças, idosos e indígenas. “Queremos fazer da educação um verdadeiro instrumento de cidadania e inclusão social, sem o qual crianças pobres de escolas públicas jamais terão as mesmas chances de lima criança de classe média numa escola particular”.

ACM Neto disse que esse novo Democratas também tem como prioridade o combate a qualquer tipo de discriminação e preconceito, seja por sexo, por raça ou condição social. E afirmou ser fundamental viabilizar um sistema de saúde pública digna para quem não pode pagar por um plano privado. “Queremos um país onde a ética prevaleça sobre a corrupção e o mérito sobre o favoritismo indevido. Que se faça da educação o principal instrumento de combate à pobreza”, discursou.

Carga tributária
ACM Neto defendeu o incentivo à economia e aos setores produtivos nacionais. “Não porque somos submissos ao mercado, como pensam alguns de forma preconceituosa, mas porque essa é a melhor maneira de gerar riqueza e levar bem-estar para quem mais precisa”, argumentou, acrescentando que o Democratas apoia a redução da carga tributária e melhor redistribuição da arrecadação do país entre União, estados e municípios. “Esse manifesto é um pacto com o Brasil e com os brasileiros, onde está inserido nosso compromisso maior com cada cidadão desse país. Porque a política só tem uma razão de ser, um principal objetivo, que é o de transformar a vida das pessoas. E é isso que o Democratas vai fazer a partir de agora. A trajetória do Democratas é a maior prova de que seja qual forem as circunstâncias, jamais abandonamos os nossos princípios, nem o compromisso de lutar por um Brasil mais moderno, justo, eficiente e solidário”, enfatizou.

Trajetória de luta
ACM Neto lembrou a trajetória de luta do partido, que foi o único ao qual já se filiou, destacando a participação decisiva da juventude da legenda, à qual assegurou ganhar uma musculatura ainda maior a partir de agora, com uma campanha para novas filiações. Um dos momentos mais difíceis foi o de ser oposição aos governos petistas, quando o Democratas manteve coerência mesmo quando ameaçado. “Não ficamos acuados ou escondidos e fomos à luta. Denunciamos desmandos e desvarios políticos, econômicos e administrativos que ameaçavam conduzir o Brasil a um destino muito semelhante ao que teve a Venezuela”, acrescentando que a legenda vai defender com afinco os direitos fundamentais dos cidadãos à vida e à propriedade, à liberdade de pensamento, opinião e de criança.

ACM Neto afirmou que esse novo Democratas é forte e será ainda mais protagonista nas decisões do país. E que o partido está pronto para colocar em prática os projetos e ideias para o Brasil já a partir das eleições deste ano. Ao final do discurso, ele citou os exemplos do avô, o senador Antonio Carlos Magalhães, e do tio, Luis Eduardo Magalhães. De ambos, disse ter herdado várias virtudes, a exemplo da coragem. As informações são de assessoria.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.