Valmir: “Temos de decretar a falência desse governo; até dezembro pode fazer ainda mais estragos”

Postado em jun 20 2018 - 10:05am por Jornal da Chapada
valmir

Valmir diz ainda que “há poucos dias atrás foi feito um leilão para a venda de óleo da Petrobrás e o governo conseguiu vender a um centavo o litro de óleo. Enquanto um litro de gasolina custa R$ 5 na bomba para o consumidor brasileiro” | FOTO: Divulgação |

O deputado federal Valmir Assunção (PT-BA) voltou a criticar o governo de Michel Temer (MDB) por retirar direitos do povo brasileiro. Nesta terça-feira (19), o parlamentar baiano disse que “é preciso decretar a falência do governo federal, porque só tem negado direitos”. Assunção usa o recente leilão que vendeu óleo da Petrobrás por R$ 0,01 centavo e diz que o país vive um período difícil.

“E vivemos esse período difícil justamente porque o golpe, que foi a retirada de direitos do povo brasileiro, continua. Para ter uma ideia, um dado que assusta qualquer um, há poucos dias atrás foi feito um leilão para a venda de óleo da Petrobrás e o governo conseguiu vender a um centavo o litro de óleo. Enquanto um litro de gasolina custa R$ 5 na bomba para o consumidor brasileiro”, dispara Valmir.

De acordo com o deputado petista, “isso é entregar de vez a riqueza, o petróleo, pré-sal, os nossos direitos. É algo estarrecedor. Nós temos que decretar a falência desse governo”. Assunção completa dizendo que os deputados federais não podem ser cúmplices das malversações do governo Temer. “Os deputados aqui não podem ficar votando para ajudar, cada vez mais, tirar o direito do povo. Porque Temer só tem negado os direitos do povo do Brasil”.

“É preciso que possamos reagir, mesmo sabendo que os dias do governo estão contados. Porque já estamos no mês de junho e no mês de dezembro acaba definitivamente o governo. Mas ele pode ainda fazer muito estrago até dezembro. E os deputados aqui, que vão disputar a eleição, o povo vai olhar isso e não vai aceitar, de forma alguma, que esses políticos continuem ajudando Temer. Temos de reagir e não deixar que ele retire ainda mais direitos do povo”, finaliza.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.