Chapada: Morador de Ruy Barbosa ajuda a transformar a zona rural do município através da fotografia

Postado em maio 6 2019 - 9:47pm por Jornal da Chapada

Noilton Pereira conta que a inspiração para começar o trabalho extraoficial foi encantamento pela imagens de Sebastião Salgado | FOTO: Montagem do JC/Noilton Pereira |

Talentoso e autodidata para o rádio e para a fotografia, Noilton Pereira, de 47 anos, reverte a venda de fotos em cestas básicas para famílias em situação de vulnerabilidade social na região onde vive. Ele nasceu e ainda mora no município de Ruy Barbosa, na Chapada Diamantina. Trabalha com comunicação, é casado e pai de quatro filhos. O valor de cada foto é o equivalente a uma cesta básica que é repassado diretamente para as famílias dos fotografados. É através de sua arte que encontrou uma maneira de praticar a solidariedade.

O fotógrafo Noilton Pereira em autorretrato | FOTO: Noilton Pereira |

Segundo o fotógrafo, além de dar vida aos personagens, também dá vida a fotografia criando vaquinhas online, convidando pessoas de vários lugares que a internet consegue alcançar para colaborar no projeto social. E a partir disso o imóvel antigo é demolido e construído uma casa nova.

“Trabalhando com comunicação percebi de perto os problemas sociais das comunidades rurais. Já visitava as comunidades, já tinha esse entrosamento, mas eu não conseguia repassar para as pessoas tudo aquilo que eu via, toda aquela carência”.

Casa construída com dinheiro da venda da fotografia e com a ajuda do jovem Lucas | FOTO: Noilton Pereira | 

Além de ajudar 10 famílias no município de Ruy Barbosa onde quatro já tiveram suas casas construídas através da vaquinha virtual, o fotógrafo incentiva a prática de solidariedade entre os vizinhos que ali vivem.

O exemplo de Lucas Santos que estava desempregado e aprendeu a ser pintor e ajudante de Noilton. Atualmente ele participa da construção de cada casa nova do projeto. “Nunca imaginaria essa foto chegar tão longe assim… Como fui ajudado eu resolvi ajudar também e a ideia desse projeto é um ajudando o outro”, diz Lucas residente da zona rural.

Noilton conta de onde veio a inspiração para começar o trabalho extraoficial. “A fotografia é uma paixão antiga. Eu sempre via fotos do mestre Sebastião Salgado e ficava encantado com tanta beleza. Sonhava em fazer algo parecido e aí veio a ideia de retratar o sertão e suas belezas infinitas e hoje realizar o sonho dessas pessoas é o combustível para que esse motor continue girando”, afirma o fotógrafo. Jornal da Chapada com informações da Rede Globo, exibidas no Fantástico.

Imagens de Noilton Pereira

Este slideshow necessita de JavaScript.

Veja o vídeo divulgado pelo Fantástico (Rede Globo)

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.