Pular para a barra de ferramentas
AssessoriaCidadesCuriosidadesMenu Principal
Trending

#Salvador: “Essa cena vai acontecer pela última vez”, promete prefeito sobre alagamento em avenida

Segundo o gestor ACM Neto, problemas serão solucionados após obras do BRT - ônibus de trânsito rápido - que está sendo implantado na região da Avenida ACM.

Prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM) afirmou, nesta terça-feira (26), quando a capital baiana foi atingida por um forte temporal, que após finalização das obras do BRT (ônibus de trânsito rápido), a Avenida Antonio Carlos Magalhães não terá mais alagamentos.

“Enquanto a obra está acontecendo, a água não flui normalmente. Essa cena vai acontecer pela última vez na Avenida Antonio Carlos Magalhães. Isso vai ser possível porque a obra do BRT, quando for concluída, trará em definitivo a solução de drenagem, que foi uma preocupação e exigência da prefeitura para realização da obra”, disse em entrevista à Record TV Itapoan.

Na entrevista, o prefeito acrescentou que toda a equipe do Executivo Municipal vai “varar a noite” para que os impactos causados pelo temporal sejam amenizados. Além disso, ele destacou que o governador da Bahia, Rui Costa (PT), e o ministro da Defesa, Fernando Azevedo e Silva, se colocaram à disposição da cidade. No entanto, o prefeito avaliou que os problemas podem ser solucionados pelo Executivo Municipal, mas não descartou acecitar ajuda do Governo Estadual e Federal.

Em agosto, durante apresentação do projeto do BRT à Câmara de Salvador, o vice-prefeito Bruno Reis disse que a primeira etapa das obras vai ser entregue até o final de 2020. Acrescentou que em janeiro do próximo ano dará início as obras da segunda etapa. Já no final de 2019 deve ser inaugurado um trecho com elevados na capital baiana. As informações são do site Metro 1.

Leia também

#Urgente: Veja vídeos do caos que se transformou Salvador com as fortes chuvas desta terça

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios