CidadesCuriosidadesEducaçãoMenu Principal
Trending

#Salvador: Centro voltado para crianças com microcefalia e doenças congênitas do zika vírus retoma atendimento presencial

Conforme o secretário da Sempre, o compromisso de entregar mensalmente cestas básicas, fraldas e kits de higiene, sempre que houver disponibilidade, não estará suspenso.

Com gestos de coração, soltar beijos e símbolos de legal e abraços, além de diversão em vários brinquedos, Lara Letícia, de cinco anos, expressou a felicidade de estar de volta ao Centro Dia, coordenado pela Secretaria de Promoção Social, Combate à Pobreza, Esportes e Lazer (Sempre). O atendimento presencial, voltado para crianças até os seis anos, com microcefalia e doenças congênitas do zika vírus, retornou nesta segunda-feira (19). A atividade ‘in loco’ estava suspensa desde o início da pandemia.

Para o secretário da Sempre, Kiki Bispo, foi um dia especial, pois, embora com um atendimento ainda tímido, seguindo todo o protocolo sanitário, voltou-se a oferecer um trabalho social composto por profissionais de diversas áreas, como assistentes sociais, psicólogos, terapeutas ocupacionais e dentistas.

“Um trabalho realmente diferenciado. Afinal, estamos falando de crianças que merecem todo o apoio, todo o carinho junto aos seus familiares. Portanto, precisam e são desenvolvidas atividades para promover a defesa de direitos; de convívio e organização da vida cotidiana; orientação e encaminhamento para a rede de serviços; cuidados pessoais; acesso à documentação pessoal; desenvolvimento do convívio familiar e social, entre outras”, detalhou.

Maridalva Santos Nascimento, mãe de Lara, não escondeu a felicidade de ambas pelo retorno ao Centro Dia. “Para mim, foi motivo de muita alegria ver minha filha feliz. Então, estou com grande expectativa que realmente se normalize tudo e as outras crianças voltem ao centro com todo protocolo, sem voltar atrás, mas sim avançar, com as nossas crianças monitoradas, com todo cuidado. Pode ter certeza que agora é só sorriso e alegria para os nossos filhos”, comemorou.

Convivência familiar
Conforme o secretário da Sempre, o compromisso de entregar mensalmente cestas básicas, fraldas e kits de higiene, sempre que houver disponibilidade, não estará suspenso. “Um total de 4.300 cestas básicas, mais 2.113 fraldas e 1.540 de kits de higiene foram entregues durante a crise do coronavírus”, elencou. Ele ainda ressaltou que conta com o apoio dos pais para o desenvolvimento das crianças.

O gestor ainda destacou que, desde que a unidade foi criada, há mais de três anos, já registra diversos avanços, através de políticas públicas de assistência social, para promoção e manutenção dos direitos desse público. “O mais recente foi a assinatura de uma medida provisória que tornou o Benefício de Prestação Continuada (BPC) vitalício para crianças com microcefalia e doenças congênitas do zika vírus”, completou. As informações são de assessoria.

Etiquetas

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios